UPS compra participação em empresa de veículos autônomos

Investimento ressalta apostas que esta tecnologia pode se expandir mais rapidamente em veículos comerciais do que em carros. A empresa de entregas UPS comprou uma participação minoritária na startup de veículos autônomos TuSimple, e está testando o serviço desde maio em uma movimentada rota de cargas no estado do Arizona, nos Estados Unidos.
O investimento ressalta apostas que a tecnologia de autônomos pode se expandir mais rapidamente em veículos comerciais do que em carros.
Caminhões autônomos da Uber já operam nos EUA
Correios dos EUA testam caminhões autônomos
Carro 100% autônomo está longe, diz empresa-irmã do Google
“Pode levar anos para testar e desenvolver veículos autônomos e para o governo definir uma estrutura regulatória. Mas a UPS vê o investimento como uma maneira de já aplicar recursos de direção autônoma, como a tecnologia de partida, sistemas avançados de frenagem ou tecnologia de sensores em sua própria frota no curto prazo”, afirmou Todd Lewis, sócio-gerente da UPS Ventures.
“Do ponto de vista regulatório, há um longo caminho a percorrer”, disse Lewis à Reuters. “Mas a tecnologia tem uma tonelada de implicações hoje”.
A UPS e a TuSimple não divulgaram o tamanho do investimento. Outros investidores da startup incluem a empresa de mídia online chinesa Sina Corp e fabricante de chips Nvidia.
Em fevereiro, a TuSimple disse que havia captado US$ 95 milhões em uma rodada de financiamento liderada pela Sina, que avaliou a empresa em US$ 1 bilhão.