U-Roy, um dos pioneiros do reggae e do dancehall, morre aos 78 anos


Causa da morte não foi revelada, segundo o jornal The Guardian. U-Roy, um dos pioneiros do reggae e do dancehall, morre aos 78 anos
Reprodução/Facebook
U-Roy, um dos pioneiros do reggae e do dancehall, morreu aos 78 anos, nesta quarta-feira (17). De acordo com o The Guardian, um representante da Trojan Records confirmou a informação, mas a causa da morte não foi revelada.
O artista, cujo nome de batismo é Ewart Beckford, nasceu na Jamaica, em 1942, e popularizou a técnica vocal chamada toasting, embora não tenha sido o criador do estilo.
Com uma família formada por músicos, deu início a sua carreira profissional em 1961, inicialmente como DJ. U-Roy ganhou fama internacional na década de 1970, com as faixas “Natty Rebel” e “Jah Son of Africa”.
Ao longo dos anos, lançou cerca de 20 álbuns, gravou com artistas como Keith Hudson, Lee Perry e Peter Tosh, e participou do disco vencedor de Grammy “True Love”, do grupo Toots and the Maytals. U-Roy foi homenageado em seu país por sua influência na música.
O DJ britânico David Rodigan foi um dos artistas a prestar tributo a U-Roy, descrevendo-o como “o paradigma da música jamaicana… Sempre tive admiração por ele; o tom de voz, a cadência e o brilho lírico fizeram dele um aventureiro da alma”.
Initial plugin text
VÍDEOS: Personalidades que morreram em 2021