Tarcísio Meira: dezenas de novelas e parceria em cena com a mulher, Glória Menezes, marcaram os 60 anos de carreira do ator


Ator morreu nesta quarta-feira (12), vítima de Covid-19. Tarcísio Meira
Globo/Divulgação
Um dos mais reconhecidos nomes da atuação no Brasil, Tarcísio Meira tem um currículo de mais de 60 trabalhos na televisão, entre novelas, seriados, minisséries, teleteatros e telefilmes, numa carreira que começou em 1961, na extinta TV Tupi.
Também participou de 22 longas-metragens, dirigidos por cineastas como Glauber Rocha, Walter Hugo Khouri, Anselmo Duarte e Bruno Barreto, além de 31 peças de teatro. O ator morreu nesta quinta-feira (12), vítima de Covid-19.
Nascido em 5 de outubro de 1935, em São Paulo, queria ser diplomata na adolescência. Desistiu da ideia ao ser reprovado na primeira prova que fez para o Instituto Rio Branco, em 1957.
Tarcísio Meira morre de Covid-19 aos 85 anos em SP
Já dedicado a carreira artística, atuou em peças como “Chá e Simpatia” (1957), de Robert Anderson, e “Quando as Paredes Falam” (1957), de Ferencz Molnar.
Na TV, estreou em “Grande Teatro Tupi”, um programa de teleteatro, em que contracenou pela primeira vez com Glória Menezes em “Uma Pires Camargo”, em 1961, de Geraldo Vietri.
Os dois se casaram no ano seguinte e estavam juntos desde então, em um dos casamentos mais duradouros da televisão brasileira. Os dois são pais do também ator Tarcísio Filho.
Gloria Menezes e Tarcísio Meira em ‘Irmãos Coragem’
Acervo Globo
Em 1963, o casal participou da primeira novela diária da televisão brasileira, “25499 Ocupado”, de Dulce Santucci, na TV Excelsior.
A estreia na Globo aconteceu em 1967, na novela “Sangue e Areia”, uma adaptação do romance do espanhol Blasco Ibañez escrita por Janete Clair. A trama fez com que Tarcísio e Glória se tornassem um dos pares românticos favoritos do público.
Entre os momentos marcantes da TV em que o casal esteve presente, também está “O Caso Especial Meu Primeiro Baile”, primeiro programa inteiramente gravado em cores a ser exibido na televisão brasileira. A adaptação de Janete Clair, dirigida por Daniel Filho, foi ao ar em 1972.
Com a mulher, o ator também estrelou “Tarcísio & Glória”, série de 1988 criada por Daniel Filho, Euclydes Marinho e Antonio Calmon. Além de atores, os dois eram os produtores do programa. Tarcísio chegou também a dirigir alguns episódios.
Tarcísio Meira e Glória Menezes, em foto de março de 2016
Celso Tavares/G1
Seus dois últimos trabalhos na TV foram nas novelas “A Lei do Amor”, de 2016, em que viveu o empresário e político Fausto, e “Orgulho e Paixão”, de 2018, na pele do Lorde Williamson, um poderoso industrial inglês.
Tarcísio Meira: veja cenas marcantes de novelas