Smiles tem queda de 8,5% no lucro do 1º trimestre


Resultado somou R$ 141,9 milhões nos três primeiros meses do ano, informou a companhia. O lucro da Smiles no primeiro trimestre somou R$ 141,9 milhões, queda de 8,5% na comparação com um ano antes e recuo de 13,8% sobre os três últimos meses do ano passado, informou a companhia de redes de fidelidade de clientes nesta sexta-feira (26).
Gol e Smiles
REUTERS/Sergio Moraes
A geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) foi 9% menor na comparação anual e 16,5% abaixo do verificado no quarto trimestre, encerrando março em R$ 171,1 milhões.
Acúmulo de milhas
O resultado foi obtido apesar de aumento de 27% no acúmulo de milhas no primeiro trimestre sobre um ano antes e crescimento de 18,5% no resgate de milhas no período.
A companhia teve queda de 2,6% no faturamento líquido na comparação anual e de 13,7% na relação trimestral, para R$ 240,6 milhões.
A empresa fechou março com R$ 15,7 milhões de participantes em seu programa de fidelidade, crescimento anual de 10,6%.
O breakage, taxa de milhas vencidas sem efetivo resgate pelos participantes, caiu 2,3 pontos percentuais ano a ano, para 16,8%.