Síria: russos dizem ter encontrado laboratório químico em Douma

Inspetores da Opaq já estão em Douma

Inspetores da Opaq já estão em Douma
Reuters/Ali Hashisho/16-04-18

Um grupo de militares russos afirmou nesta terça-feira (17) ter encontrado em Douma, região da Ghouta Oriental, um laboratório usado por grupos rebeldes para a fabricação de armas químicas.

“Um laboratório químico e um deposito com substâncias químicas foram encontrados durante uma inspeção a Douma”, disse Alexander Rodionov, um porta-voz do grupo radiológico, químico e biológico na Síria, à TV “Rossiya-24”.

Guerra da Síria: inspeção em local de suposto ataque com gás é adiada

“Durante a investigação, os especialistas descobriram substâncias químicas proibidas e encontraram um recipiente de cloro parecido com o usado pela milícia para encenar um ataque químico falso”, acrescentou Rodionov, segundo a Interfax.

De acordo com o porta-voz russo, é possível concluir que este laboratório é usado por grupos armados ilegais para criarem produtos tóxicos”.

Uma equipe de inspetores da Opaq (Organização para a Proibição das Armas Químicas) chegou nesta manhã a Douma, na Síria, para investigar o suposto ataque com substâncias tóxicas ocorrido em 7 de abril.

Powered by WPeMatico