Rita Lee e Roberto de Carvalho relançam álbum ‘deprê’ de 1985 em LP com vinil roxo


♪ Seguidores de Rita Lee poderão se gabar, a partir de agosto, que têm “aquilo roxo”. No caso, “aquilo” é o álbum mais diferente lançado pelo casal Rita Lee e Roberto de Carvalho ao longo da áurea década de 1980. Rita e Roberto, álbum dark de 1985, ganha edição em LP fabricado com vinil roxo, translúcido.
A reedição de Rita e Roberto em LP roxo estará à venda a partir de 6 de agosto na loja virtual da Universal Music, gravadora que em 2020 lançou, também em LP, a edição comemorativa de 40 anos do álbum intitulado Rita Lee (1980) e conhecido por sucessos como Lança perfume (Rita Lee e Roberto de Carvalho) e Baila comigo (Rita Lee).
Com nove músicas, sendo que oito traziam as assinaturas de Rita e Roberto e uma (Nave Maria) era da lavra de Roberto de Carvalho com Caetano Veloso, o álbum sombrio de 1985 mexeu no jogo vitorioso do casal que dominava a paradas até então com rock carnavalesco de moldura tecnopop.
Na época do lançamento desse disco deprê, a única faixa que chegou a tocar (razoavelmente) bem nas rádios foi Vírus do amor, música sobre o HIV, o então incontido vírus da Aids que assustava a humanidade em 1985 por ser transmitido sobretudo pelo sexo.
Dez anos depois, a música Vítima – gravada com solo de guitarra do mutante Sérgio Dias – ganharia projeção nacional ao ser propagada como tema de abertura da novela A próxima vítima (TV Globo, 1995).
Já bem recebido pelos críticos em 1985, o álbum Rita e Roberto foi ganhando (ainda mais) importância ao longo dos anos, se impondo como um dos títulos mais surpreendentes da discografia de Rita Lee.