Renault e BMW retomam produção no Brasil


Marcas são as primeiras fabricantes de automóveis a retomarem suas atividades no país. Produção de automóveis da Renault em São José dos Pinhais (PR)
Divulgação/Renault
Renault e BMW retomaram a produção no Brasil nesta segunda-feira (4), após pouco mais de um mês de paralisação pela pandemia do coronavírus.
As marcas foram as primeiras fabricantes de automóveis a prosseguirem suas atividades. Na última semana, Volkswagen e Scania voltaram a produzir caminhões e ônibus.
Montadoras paralisam atividades durante a pandemia
Em nota, a BMW anunciou que a produção de Araquari (SC) foi retomada com diversas medidas de proteção aos colaboradores. Entre elas, estão o reforço na higiene e no distanciamento, distribuição de kits de máscaras e novo arranjo em refeitórios.
Além disso, o transporte dos funcionários será feito por ônibus exclusivos de uso da BMW, com lugares demarcados e higienização constante. A marca destaca que colaboradores dos grupos de risco seguem afastados.
A fábrica da Renault em São José dos Pinhais (PR) voltou a produzir após um desacordo entre a fabricante e o sindicato local para suspensão temporária de contratos e reduções de jornadas e salários, apoiadas pela Medida Provisória 936 do governo federal.
De acordo com a montadora, as atividades foram retomadas com medidas para preservar a saúde dos colaboradores. “Foi adotado um rígido protocolo de segurança com medidas de prevenção aos trabalhadores”, disse a Renault.
As iniciativas envolvem adaptação dos postos de trabalho na produção e nos refeitórios, porém, a empresa não detalhou quais são os procedimentos. Os funcionários da parte administrativa seguem trabalhando de casa.
Initial plugin text