‘Raya e O Último Dragão’ assume liderança da bilheteria nacional e desbanca ‘Tom & Jerry – O Filme’


Menos de 30 mil pessoas foram aos cinemas de quinta (11) a domingo (14). Números de público e renda continuam em baixa por conta do agravamento da pandemia e da ampliação das restrições. Cena de “Raya e O Último Dragão’
Divulgação
Com mais restrições por conta da Covid-19, os números de público e arrecadação nos cinemas brasileiros, que já vinham caindo semanalmente, despencaram ainda mais nesta última semana.
Os dez filmes com maior arrecadação no período de quinta (11) a domingo (14) somam, juntos, R$ 450 mil, e foram vistos por 28,9 mil pessoas. Na semana anterior, esses números eram R$ 1,1 milhão e 72 mil de público.
“Raya e o Último Dragão”, nova animação da Disney, assumiu a liderança da bilheteria na segunda semana em cartaz. A renda foi de R$ 116 mil e o público de 7,8 mil pessoas.
A mudança no ranking faz com que “Tom & Jerry: O Filme” caia para 3ª posição após quatro semanas no topo. “A Viúva das Sombras” ficou em 2º lugar.
O levantamento da ComScore não informa quantas salas de cinema estão abertas no país.
Assista ao trailer de ‘Raya e o Último Dragão’
Veja o ranking de bilheteria entre os dias 11 e 14 de março de 2021:
“Raya e O Último Dragão” – R$ 116,2 mil
“A Viúva das Sombras” R$ 89,2 mil
“Tom & Jerry – O Filme” – R$ 89,1 mil
“Monster Hunter” – R$ 74,1 mil
“Mulher-Maravilha 1984” – R$ 29,4 mil
“Lucicreide Vai a Marte” – R$ 26,1 mil
“Legado Explosivo” – R$ 9,9 mil
“Judas e o Messias Negro” – R$ 6,7 mil
“Depois a Louca Sou Eu” – R$ 6,7 mil
“Sem Saída” – R$ 3,2 mil
LEIA MAIS: Quais estreias vão entrar em cartaz em 2021? Veja trailers dos lançamentos do ano
VÍDEOS: Semana Pop explica temas do entretenimento