Preview – Abel Capella, ABQNE, Alpargatos, Astralplane, Bel_Medula, Luiza Sales e Rebecca Nora


♪ Eis os discos da seção Preview, do Blog do Mauro Ferreira, na semana de 8 a 14 de março de 2021:
Capa do EP ‘Dias de solidão’, de Abel Capella
Divulgação
♪ Dias de solidão – Abel Capella
– Cantor e compositor goiano residente em Palmas (TO), cidade do Tocantins onde é guitarrista de três bandas da cena local, Abel Capella apresenta três músicas inéditas em EP, Dias de solidão, que aterrissa na sexta-feira, 12 de março, nos players digitais. A olhos nus, a faixa-título Dias de solidão e Eras e eras são composições geradas na introspecção do isolamento social exigido pela pandemia.
Capa do single ‘Zero grau’, de ABQNE com Zeca Baleiro
Divulgação
♪ Zero grau – ABQNE com participação de Zeca Baleiro
– Projeto dos compositores Humberto Lyra e Luiz Pissutto, que revitalizam cancioneiro autoral criado pela dupla nos anos 1990 e até então inédito em disco, ABQNE (A Banda que Nunca Existiu) lança Zero grau, quinto single do ainda inédito primeiro álbum, feito com cantores e músicos convidados. Sob direção musical de Sergio Fouad, a gravação da Zero Grau foi formatada com a voz de Zeca Baleiro, arranjo de metais do maestro Tiquinho e instrumentistas como o tecladista Adriano Magoo e o guitarrista Tuco Marcondes, ambos habituados a tocar com Baleiro. O single Zero grau chega na sexta-feira, 12 de março.
Capa do EP ‘Se hoje eu sair’, da banda Alpargatos
Divulgação
♪ Se hoje eu não sair – Alpargatos
– Com capa do cartunista Moa Gutterres, que retrata os músicos com os habituais figurinos vermelhos, o EP da banda gaúcha Alpargatos apresenta registros ao vivo de cinco músicas gravadas em três apresentações feitas entre julho de 2017 e maio de 2019 em palcos de Porto Alegre (RS), cidade natal do quarteto. Com faixas como Alô, Solar nº 2 (de cuja letra saiu o título do disco) e Trinco, o EP Se hoje eu não sair – programado para sexta-feira, 12 de março, via Escápula Records – é resultado do adiamento do álbum que a banda ia começar a gravar quando veio a pandemia.
Capa do single ‘A-Calma’, de Astralplane com Illy e DiCerqueira
Divulgação
♪ A-Calma – Astralplane com Illy e DiCerqueira
– Com capa que expõe arte de Daniel Ferro, o single A-Calma junta o quarteto baiano Astraplane com a cantora conterrânea Illy e o rapper também baiano DiCerqueira. Produzida à distância, a faixa inclui sample de estrofe narrada pelo poeta Ferreira Gullar (1930 – 2016). A ideia da banda soteropolitana foi inserir no single a energia boa do verão. Disponível a partir de 12 de março, A-calma é o último single antes de Astraplane lançar o álbum Alquimia, previsto para o segundo semestre de 2021.
Capa do single ‘Os ouvidos têm parede’, de Bel_Medula
Divulgação
♪ Os ouvidos têm parede – Bel_Medula
– Projeto musical da cantora, compositora e multi-instrumetista Isabel Nogueira, Bel_Medula lança em 12 de março Os ouvidos têm parede, primeiro dos três singles que antecederão o álbum Semente, previsto para junho. O single discute o exercício da liberdade através da escuta. Já o álbum Semente desenvolve elementos dos dois anteriores, PeleOsso (2019) e Luna (2020), com grooves eletrônicos e experimentos aplicados ao conceito de banda.
Capa do single ‘Câmara escura’, de Luiza Sales
Divulgação
♪ Câmara escura – Luiza Sales
– A cantora e compositora carioca apresenta inédito single autoral, Câmara escura, gravado com produção musical de Vinicius Castro. “A câmara escura do mundo / Inverte tudo que se vê / O enquadramento oportuno / Recorta o melhor de você”, adverte Luiza Sales na letra de tom crítico. Egressa do sexteto Ordinarius, a artista lançou o primeiro álbum solo, Breve beleza, em 2012. Três anos depois, Luiza se apresentou como compositora no álbum autoral Aventureira (2015).
Capa do single ‘Pra você’, de Rebecca Nora
Divulgação
♪ Pra você – Rebecca Nora
– A artista carioca de indie pop apresenta o single Pra você com música inédita que fará parte do EP Amor, segunda parte do projeto intitulado Transmutação (a primeira foi o EP Propósito, editado em 2020). A intenção de Rebecca Nora foi inserir um toque de samba e um clima de bossa nova na gravação de Pra você, produzida no home studio da artista no subúrbio carioca. A música é caracterizada pela artista como “canção platônica de amor”.