Para celebrar Dia da Amazônia, grupo faz ação de retirada de lixo do Rio Tarumã-Açu em Manaus


Parte do material coletado será enviado para associações de catadores. Ação visa conscientizar a população sobre o descarte correto dos resíduos. Lixo é recolhido de igarapés em Manaus
O Dia da Amazônia é comemorado neste domingo, dia 5 de setembro. Para celebrar a data, um grupo com mais de 90 voluntários realizou a retirada de lixo do Rio Tarumã-Açu, na zona oeste de Manaus, neste sábado (4). Parte do material coletado será enviado para associações de catadores.
Os voluntários saíram da Marina do Davi, às margens do Rio Negro. Eles percorreram parte da bacia do afluente em pequenas embarcações recolhendo sandálias, garrafas plásticas, isopores e até pedaços de eletrodomésticos que foram encontrados ao longo do rio. Foram mais de 500 quilos de desejos retirados da natureza.
O estudante de psicologia e voluntário da ação Edilson Viana já participa há três anos de ações como essa.
“Venho porque sei a importância que essa ação faz à própria natureza, à própria vida do ser humano. Faço questão de sempre vir. A gente sai numa manhã de sábado tranquilamente com uma tonelada de lixo”
Estudante de psicologia é voluntário há três anos.
Matheus Castro/G1
Quem também ajudou no trabalho de limpeza da área foram moradores de flutuantes do Tarumã. Segundo eles, esses moradores levam a fama de serem os grandes responsáveis pela poluição no local, mas a realidade não é bem assim. Isso porque, desde cedo, eles aprenderam que cuidar da natureza é preservar o bem-estar de todos que ali vivem ou tiram dali seu sustento.
Resíduos serão encaminhados para associações de catadores.
Matheus Castro/G1
“Eu moro aqui há 24 anos. E desde que eu me lembro sempre colocam a culpa da poluição na gente, só que nós coletamos o nosso lixo em casa, armazenamos, e a balsa passa pegando o lixo no sábado”, desabafa a camareira Marineide Fernandes, de 44 anos.
“Quando tem iniciativas como essa, isso nos alegra muito. Há muita falta de respeito da população de terra, porque o lixo não é nosso. O lixo vem de lá para cá”
Entre os objetos recolhidos há pedaços de eletrodomésticos, sandálias e isopos.
Matheus Castro/G1
Para a supervisora da Agenda Cidades Sustentáveis da Fundação Amazônia Sustentável (FAS), Cristine Rescarolli, a ação visa conscientizar a população sobre o descarte correto dos resíduos.
“A ação foi de retirada desse plástico da água, mas a gente precisa entender que não é para jogar esse plástico na água. Nossos igarapés estão praticamente mortos. Precisamos cuidar disso”
“Essa área também tem a forte presença de flutuantes e precisamos fazer um trabalho de conscientização já que onde estamos nadando, onde estamos nos divertindo, é no nosso próprio resíduo”, enfatizou Cristine.
Uma equipe da Prefeitura de Manaus ajudou na retirada dos materiais.
Matheus Castro/G1
A ação intitulada ‘Plástico Zero nos Igarapés de Manaus’, foi uma iniciativa da Fundação Amazônia Sustentável (FAS) e contou apoio dos projetos Remada Ambiental e Igarapés Limpos, além de empresas.
Veja os vídeos mais assistidos do G1 Amazonas