Pandas gêmeos nascem em zoológico de Madri


Vídeo mostra como um deles vem ao mundo, ainda sem pelo. Filhotes são totalmente dependentes da mãe por quatro meses. Pandas gêmeos nascem em zoológico na Espanha
Uma panda gigante deu à luz dois filhotes gêmeos nesta segunda-feira (6) no Zoológico de Madri, fato considerado pela instituição como “uma grande contribuição” para a conservação da espécie ameaçada de extinção.
O Zoo Aquarium de Madrid indicou em comunicado que a fêmea, Hua Zui Ba, deu à luz o primeiro filhote por volta das 8h30, após mais de quatro horas de trabalho de parto, enquanto o segundo veio ao mundo após o meio-dia.
Nas imagens do nascimento, a fêmea aparece expelindo o primeiro filhote, um pequeno animal sem pelos e de pele rosada que emitia guinchos altos, depois lambendo para limpá-lo e colocando-o no colo.
Os recém-nascidos “ficarão totalmente dependentes da mãe nos próximos quatro meses” até que possam andar por conta própria, explicou o zoológico.
Filhotes de panda, nascidos em Zoológico de Madri, recebem cuidados veterinários
Dois técnicos da Base de Reprodução de Pandas de Chengdu, na China, ajudarão os veterinários locais a cuidar dos gêmeos, cujo sexo ainda não foi determinado, segundo o comunicado.
O casal de pandas gigantes Hua Zui Ba e seu parceiro Bing Xing tiveram quatro outros filhotes no passado.
Filhotes de panda gêmeos nasceram em Madri
Reuters/Zoo de Madri
Este novo nascimento “constitui uma grande contribuição no campo da conservação de espécies ameaçadas”, acrescentou o zoológico.
A reprodução dos pandas, tanto em cativeiro quanto na natureza, é complicada, segundo os especialistas, com períodos anuais de cio muito curtos para as fêmeas.
O panda gigante é uma espécie vulnerável, de acordo com a União Internacional para Conservação da Natureza, com menos de 2.000 espécimes restantes em seu habitat.