Conheça 9 alimentos que podem ser plantados na Lua e até em Marte

Cientistas da Wageningen University & Research, na Holanda, criaram uma horta que simula a produção de alimentos em Marte e na Lua. Para simular o solo, os cientistas usaram amostras coletas pela sonda Viking, da Nasa. Das nove teste realizados, oito tipos diferentes de alimentos se desenvolveram bem

*Estagiária do R7, sob supervisão de Pablo Marques

O objetivo desse estudo é testar a colheita em solos fora da Terra, já que existem planos de enviar missões tripuladas para a Lua e para Marte e poderá ser necessário produzir alimentos nesses locais

O estudo testou dez tipos diferentes de alimentos: agrião, tomate, rúcula, rabanete, centeio, quinoa, espinafre, cebolinha, ervilha e alho-poró. Apenas o espinafre não se desenvolveu 

As sementes produzidas pelo rabanete, centeio e agrião foram plantadas novamente e germinaram com sucesso 

A equipe também estava preocupada se os alimentos que foram gerados em solos simulados seriam capazes de crescer para gerar uma nova colheita 

Os especialistas identificaram que o solo marciano simulado tem características semelhantes ao solo do nosso planeta em questão de produção 

Wieger Wamelink, principal autor do estudo, afirma ter ficado emocionado ao ver os primeiros tomates cultivados em uma simulação de solo marciano ficarem vermelhos

O estuda da plantação em solo marciano e lunar simulado foi publicado na revista Open Agriculture

Curiosity e InSight são flagradas por câmera de sonda que orbita Marte

A sonda Mars Reconnaissance Orbiter (MRO), da Nasa,
agência espacial norte-americana, registrou imagens de outros equipamentos espaciais que estão explorando Marte, a sonda InSight e o rover Curiosity

  

*Estagiária do R7, sob supervisão de Pablo Marques 

 A câmera HiRISE (High-Resolution
Imaging Science Experiment) da MRO tem monitora o local de pouso da sonda InSight em buscas de mudanças na superfície do planeta vermelho. O equipamento está explorando uma região do planeta vermelho chamado de Elysium Planitia 

No dia 23 de setembro de 2019, a MRO estava orbitando Marte
a uma altitude de 272 km acima da superfície, quando capturou a melhor imagem
que a Nasa já conseguiu da InSight a partir do espaço

 A imagem mostra painéis solares dos dois equipamentos. Com os detalhes um pouco ampliados, é possível
visualizar um ponto brilhante na parte inferior da sonda, que é a cobertura protegendo
o sismômetro da InSight, que está monitorando os abalos sísmicos em Marte

A foto se tornou uma das melhores que a Nasa tem em seu
registro devido a nitidez que essa nova imagem apresenta. Isso porque Marte estava com pouca poeira no ar e uma maior luminosidade durante o registro

A HiRISE também acompanha o Curiosity, que fica localizada a cerca de 600 km de distância da InSight, explorando outra região marciana 

Na quinta-feira (17), a Nasa divulgou a posição da Curiosity enquanto
percorria 377 metros pela região entre os dias 31 de maio e 20 de julho deste
ano