Apesar da pressão de Trump, maioria acha perigoso reabrir escolas nos EUA


Só 1 em cada 4 pessoas acredita que as aulas presenciais poderiam voltar com segurança no país. Autoridades de Imperial Beach recebem nesta quinta-feira (16) pessoas que precisam fazer teste para o novo coronavírus em escola fechada
Mike Blake/Reuters
Somente uma em cada quatro pessoas nos Estados Unidos acha seguro reabrir as escolas durante o outono agora que os casos de novo coronavírus estão aumentando no país, e quatro de 10 pais disseram que provavelmente manteriam os filhos em casa se as aulas recomeçassem, mostrou uma nova pesquisa de opinião Reuters/Ipsos.
A enquete nacional feita pela internet nos dias 14 e 15 de julho foi realizada enquanto os 13 mil distritos escolares do país debatem como retomar as aulas com segurança depois de fecharem durante a primavera por causa da disseminação das infecções.
Os resultados levam a crer que a exigência do presidente Donald Trump para que as escolas reabram totalmente contraria o que a maioria da população acredita.
Só 26% dos norte-americanos adultos disseram acreditar que é seguro as escolas de suas comunidades reconvocarem os alunos. Outros 55% acham que elas não estariam seguras, e 19% não tinham certeza.
A divisão da reação teve um viés partidário: metade dos republicanos disse crer que as escolas são seguras, mas só um de cada 10 democratas.
Números contrariam Trump
O presidente dos EUA, Donald Trump, fala durante uma coletiva de imprensa na Casa Branca, em Washington, nesta terça-feira (14)
Jonathan Ernst/Reuters
Entre os entrevistados com filhos em idade escolar, cerca de 4 em 10 disseram que dificilmente os mandariam à escola se o ensino presencial fosse retomado. Outros 5 de cada 10 disseram que os mandariam à escola, e o restante disse não ter certeza.
Recentemente, Trump fez da reabertura das escolas públicas um foco de sua campanha de reeleição, em parte para cortejar eleitores suburbanos, especialmente mulheres, cada vez mais descontentes com ele.
A pesquisa Reuters/Ipsos foi feita online em inglês em todo o país, entrevistou 1.114 norte-americanos adultos e tem uma margem de erro de três pontos percentuais.
Trump desiste de revogar vistos de estudantes estrangeiros que têm aulas online
Initial plugin text

Please enter banners and links.

Mega-Sena, concurso 2.280: veja as dezenas sorteadas


As dezenas sorteadas foram: 28 – 29 – 31 – 50 – 58 – 59 Aposta única da Mega-Sena custa R$ 4,50 e apostas podem ser feitas até às 19h
Marcelo Brandt/G1
Foram sorteadas as seis dezenas do concurso 2.280 da Mega-Sena, em São Paulo, nesta quinta-feira (16). O prêmio é estimado em R$ 19.414.052,43.
Veja as dezenas sorteadas: 28 – 29 – 31 – 50 – 58 – 59
O próximo concurso (2.281) será no sábado (18) e o prêmio previsto é de mais de R$ 15 milhões.
Para apostar na Mega-Sena
As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet, no site da Caixa Econômica Federal – acessível por celular, computador ou outros dispositivos. É necessário fazer um cadastro, ser maior de idade (18 anos ou mais) e preencher o número do cartão de crédito.
Probabilidades
A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 4,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.
Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 22.522,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.

Please enter banners and links.