Corpo de homem com várias facadas é encontrado em ramal da Ilha de Santana, no AP

Ele estava desaparecido desde a sexta-feira, 29 de junho. Corpo estava a cerca de 200 metros do local onde a vítima havia bebido com um amigo, principal suspeito. O corpo de um homem com várias perfurações pelo corpo foi encontrado pela polícia no sábado (30), em um ramal na Ilha de Santana. Luiz André Gatinho, de 29 anos, estava desaparecido desde a última sexta-feira (29), segundo o tio, que registrou a ocorrência.
A motivação da morte pode ter sido ciúmes, informou a polícia. Populares disseram que, na última vez que foi visto na sexta-feira, Gatinho estava bebendo com um amigo em uma casa a cerca de 200 metros de onde o corpo foi encontrado, no ramal conhecido como Madeza.
Ainda segundo relatos de pessoas que estavam no local, os dois teriam se desentendido e iniciado a discussão que resultou no assassinato. Por essa razão, esse amigo é o principal suspeito do homicídio. Ele ainda não foi encontrado.
Não foi informada a quantidade de golpes que Luiz André levou, apenas que a maior parte foi desferida no tórax e nas costas da vítima.
O tio de Gatinho fez a identificação do corpo. A Polícia Militar da Ilha de Santana fez o isolamento da área e acionou a Polícia Técnico-Científica do Amapá (Politec), que fez a remoção.
Até o fechamento desta matéria ninguém havia sido preso pelo crime. O caso está sob investigação da 1ª Delegacia de Santana.
Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!