‘O homem invisível’ lidera bilheteria semanal no Brasil


Arrecadação dos dez principais filmes foi de R$ 119 mil. Valores foram coletados em cines drive-in e um cinema convencional, diz empresa Comscore. Elisabeth Moss em ‘O Homem Invisível’
Reprodução
O filme “O homem invisível” liderou a bilheteria do Brasil no final de semana de 25 a 28 de junho de 2020, segundo relatório da empresa de monitoramento Comscore.
O longa, lançado em fevereiro deste ano, teve uma renda de R$ 17 mil e foi visto por 803 pessoas. “Sonic – O filme” e “Shazam” ficaram com as segunda e terceira posições.
Veja o trailer de ‘O homem invisível’
Os dados, segundo a empresa, se referem a cinemas drive-in e um cinema convencional. Não foram informados quantos drive-ins funcionam e qual é a sala aberta. Na semana passada, os dados eram de 20 drive-ins e dois cinemas normais.
Cinemas drive-in se multiplicam no Brasil e viram opção no distanciamento social
Com a maioria das salas ainda fechada, os cinemas drive-in estão movimentando o setor. O final de semana teve faturamento de R$ 119 mil na soma dos dez principais filmes. O valor médio do ingresso foi de R$ 26,10.
Veja o ranking da bilheteria no país:
“O homem invisível” – R$ 17,4 mil
“Sonic – O filme” – R$ 16,2 mil
“Shazam!” – R$ 15,8 mil
“Angry Birds: O Filme” – R$ 13 mil
“Bad Boys para Sempre” – R$ 11,7 mil
“Nasce uma Estrela” – R$10,8 mil
“Aquaman” – R$ 10,1 mil
“Pets – A Vida Secreta dos Bichos 2” – R$ 8,6 mil
“PéPequeno” – R$ 8,6 mil
“Coringa” – R$ 6,6 mil
Semana Pop #88: relembre clássicos do cinema com momentos em drive-ins