“Nunca tivemos uma quantidade nesse número”, diz delegado sobre homicídios em Timon, no Maranhão


De acordo com a Polícia Civil, só nos últimos 20 dias nove pessoas foram assassinadas na cidade, algo que nunca havia acontecido antes. Polícia registra aumento no número de homicídios em Timon
De acordo com a Polícia Civil, o número de homicídios na cidade de Timon, a 428 Km de São Luís, cresceu nos últimos dias. O fato tem assustado a população e chamado a atenção da polícia.
Em 2018 foram registrados 19 assassinatos na cidade, mas só nos últimos 20 dias ocorreram os nove assassinatos. O aposentado Pedro Suede informou que a violência na cidade – que inclui homicídios e assaltos –, cresceu bastante.
“Assalto é toda hora aqui. Toda hora. Não precisa ser à noite porque acontece durante o dia mesmo”, declarou.
O homicídio mais recente aconteceu em um ponto onde costumam ficar motociclistas. Três homens estariam usando drogas por volta das 10 horas da noite quando um carro apareceu repentinamente. Os ocupantes do veículo fizeram vários disparos e duas pessoas sobreviveram. Porém, Márcio Pereira Araújo, de 35 anos, morreu na hora.
Último assassinado ocorrido em Timon ocorreu próximo a um ponto de motociclistas
Reprodução/TV Mirante
Um outro homem identificado como “Miguel” ocupava uma moto com dois amigos quando um atirador e apareceu. Ele foi morto e abandonado pelos amigos no meio da rua.
A Polícia Civil também disse que está surpresa com o aumento espantoso no número de homicídios nas últimas semanas. O delegado Antonio Valente disse que isso nunca aconteceu antes.
“Tem sido um mês atípico. Nós nunca tivemos uma quantidade de vítimas nesse número. Então a gente fica mais preocupado. O lado bom, se é que se pode dizer isso, é que no ano temos a mesma média no ano anterior. Mas é motivo de preocupação sim esse aumento no número de homicídios em um único mês”.
Delegado em Timon contou que número de homicídios na cidade nunca foi tão alto em um mês
Reprodução/TV Mirante

Powered by WPeMatico