Novas espécies de aranha ganham nomes de astros do rock

Extraordinarius brucedickinsoni foi batizada em homenagem a Bruce Dickinson

Extraordinarius brucedickinsoni foi batizada em homenagem a Bruce Dickinson
Arte R7

Novas espécies de aranha descobertas pela pesquisadora brasileira Cristina Anne Rheims, do Instituto Butantan, foram batizadas por ela com nomes de astros de rock.

Apreciadora do gênero musical, a bióloga homenageou Andre Matos, vocalista das bandas Viper, Angra e Shaman, que morreu em 8 de junho, Bruce Dickinson, vocalista do Iron Maiden, Klaus Meine, vocalista do Scorpions, e Rick Allen, baterista do Def Leppard.

O Iron Maiden e o Scorpions vão se apresentar no Rock in Rio na próxima sexta-feira (4).

Leia também: Aranhas invadem país, picam pessoas e assustam cientistas

Descritas e publicadas na revista científica Zootaxa na última segunda-feira (23), as espécies foram descobertas em matas de São Paulo, Minas Gerais e Espírito Santo e são pertencentes à família Sparassidae e do novo gênero Extraordinarius, criado também pela pesquisadora.

Elas medem entre 1cm e 2cm de comprimento, possuem hábitos noturnos e não oferecem perigo ao ser humano.

De acordo com as regras de taxonomia (nomenclatura científica dos seres vivos), as nomeações são Extraordinarius andrematosi, Extraordinarius brucedickinsoni, Extraordinarius klausmeinei e Extraordinarius rickalleni.

“Os nomes dessas espécies são uma homenagem a pessoas que, de alguma forma, são extraordinárias, no meu ponto de vista”, explica Cristina.

Saiba mais: Mulher dorme com ‘aranha mais letal do mundo’ e sobrevive

Para a bióloga, a história desses artistas é digna de homenagem. “O Andre era uma pessoa incrível, músico, maestro, compositor e tocava piano. O Bruce é vocalista de uma das maiores bandas de heavy metal do mundo, ele pilota o próprio avião e é empreendedor. O Klaus é vocalista de uma banda que eu adoro, e o Rick é um baterista que perdeu um braço ao sofrer um acidente de carro. Ele então adaptou o instrumento que tocava para os shows. Isso para mim é um exemplo de superação”, ressalta.

As novas aranhas estão descritas no artigo Extraordinarius gen. nov., a new genus of Sparianthinae spiders (Araneae: Sparassidae) from southeastern Brazil. A pesquisa contou com recursos da Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo).