NFTs de Freddie Mercury são leiloadas para instituição de caridade de luta contra Aids


Quatro obras de arte de tokens não-fungíveis (NFT) inspiradas no ex-vocalista da banda Queen serão vendidos em um leilão cronometrado durante 75 horas a partir de 20 de setembro. NFTs de Freddie Mercury são leiloadas para instituição de caridade de luta contra Aids
Mercury Phoenix Trust/SuperRare/Divulgação via REUTERS
Quatro obras de arte de tokens não-fungíveis (NFT) inspiradas em Freddie Mercury estão sendo leiloadas para uma instituição de caridade para lembrar o que seria o 75º aniversário do ex-vocalista da banda Queen.
Três NFTs mostram o cantor, e a quarta é um retrato surreal de um piano de cauda branco com uma coroa na banqueta cercado por um lago de peixes-dourados.
Os trabalhos dos artistas Blake Kathryn, Chad Knight, Mat Maitland e MBSJQ serão vendidos em um leilão cronometrado no mercado de arte digital SuperRare durante 75 horas a partir de 20 de setembro, informaram os organizadores.
A renda irá para o Mercury Phoenix Trust, uma instituição de caridade para pessoas com Aids fundada por Brian May e Roger Taylor, membros do Queen, e pelo empresário da banda, Jim Beach, em homenagem ao cantor.
O mercado de NFTs — critpomoedas que são registros de propriedade de um item digital, como uma imagem ou vídeo, baseados em blockchain — está em disparada, mas céticos alertam para uma bolha.
“Freddie Mercury deixou um recado criativo muito simples ao mundo ao morrer: ‘vocês podem fazer o que quiserem com meu trabalho, só não me tornem chato'”, disseram a SuperRare e o Mercury Phoenix Trust em um comunicado conjunto nesta quinta-feira (16).
Freddie, que estudou arte gráfica e design, teria feito 75 anos em 5 de setembro. Ele morreu de pneumonia decorrente da Aids em 1991.
VÍDEO: Primeira obra com certificado NFT da história vai a leilão em Nova York