‘Narciso em Férias’: documentário de Caetano Veloso é exibido no Festival de Veneza


Exibido neste domingo (6) para a imprensa, filme está fora de competição do festival e traz relatos do músico baiano sobre sua prisão em 1968 por ordem dos militares. Caetano Veloso em ‘Narciso em férias’, documentário sobre sua prisão durante a ditadura militar
Divulgação
Em um testemunho íntimo e inesquecível, Caetano Veloso narra no documentário exibido neste domingo (6) para a imprensa no Festival de Cinema de Veneza seus 54 dias de prisão durante a ditadura militar no Brasil (1964-1985).
Em “Narciso em Férias”, o músico baiano de 78 anos relata sua prisão em 1968 por ordem dos militares, canta algumas canções e, revisita suas memórias dessa experiência dolorosa que marcou sua vida.
“Acordei algumas noites ouvindo gritos de pessoas sendo torturadas. Fiquei apavorado!”, confessa diante da câmara sentado em frente a uma parede cinza metálica.
No documentário, o artista relembra o período do confinamento e revive episódios dolorosos e inesquecíveis vividos com outros presos, entre eles o cantor e compositor Gilberto Gil.
Em uma das cenas, Caetano relê o interrogatório feito pela polícia e recentemente encontrado no arquivo da instituição, no qual é acusado de “terrorismo cultural” por ter mudado a letra do hino nacional.
“Não pode ser: o hino tem versos hendecassílabos e na Tropicália as sílabas são mais longas e poéticas”, respondeu ele, segundo o documento. “Tentei me defender sem ser um traidor”, disse ele para a câmera.
Exibido em Veneza fora de competição, “Narciso em Férias”, que não traz outras imagens ou entrevistas, é um longo relato sobre aqueles dias, sobre as arbitrariedades cometidas pelos militares e de como uma forma de resistência à ditadura nasceu de um novo gênero musical, a Tropicália, uma mistura livre de gêneros e ritmos.
Escrito e dirigido por Renato Terra (“Uma Noite em 67”) e Ricardo Calil (“Cine Marrocos”), o documentário de 83 minutos começa a ser exibido para o público nesta segunda-feira (7). No mesmo dia, também estará disponível para os assinantes da plataforma Globoplay.
Caetano, ícone da cultura popular brasileira e referência mundial da música sul-americana, não pôde comparecer à estreia em Veneza devido às limitações impostas pelas autoridades italianas por causa da pandemia do coronavírus.
Trailer do documentário ‘Narciso em férias’