‘Mulher-Maravilha 3’: Warner confirma sequência com Gal Gadot e Patty Jenkins


‘Mulher-Maravilha 1984’, segundo filme sobre a heroína, arrecadou US$ 16,7 milhões neste final de semana na América do Norte, a melhor estreia da pandemia Mulher-Maravilha 1984
Divulgação
“Mulher-Maravilha 1984”, novo longa sobre a heroína, arrecadou US$ 16,7 milhões nos cinemas da América do Norte neste fim de semana, a melhor estreia durante a pandemia de coronavírus. Diante dos resultados, a Warner Bros. confirmou, neste domingo (27), que vai produzir um terceiro filme da franquia.
‘Mulher-Maravilha 1984’ é divertido e piegas como um bom gibi; G1 já viu
‘Gal Gadot e diretora falam sobre novo filme e parceria ‘telepática’
“Como os fãs ao redor do mundo continuam a apoiar a princesa Diana, levando à forte performance no fim de semana de estreia de ‘Mulher-Maravilha 1984’, estamos animados para continuar a contar sua história com nossas mulheres-maravilhas da vida real – Gal e Patty — que retornarão para concluir a trilogia planejada”, disse o chefe da Warner Bros., Toby Emmerich, em comunicado.
Atriz e diretora falam sobre a volta da Mulher-Maravilha
O filme foi lançado simultaneamente no serviço de streaming HBO Max, presente apenas nos Estados Unidos. No início de dezembro, a Warner havia anunciado o lançamento de todos os seus filmes programados para 2021 direto na plataforma de vídeos ao mesmo tempo que nos cinemas nos Estados Unidos.
O plano inédito na indústria, motivado pela pandemia de Covid-19, inclui grandes produções como o novo “Duna”, de Denis Villeneuve, “Matrix 4” e a continuação de “Esquadrão Suicida”.
No Brasil, o segundo filme da Mulher-Maravilha estreou no dia 17 de dezembro.
‘Mulher-Maravilha 1984’
Gal Gadot e Chris Pine em cena de ‘Mulher-Maravilha 1984’
Divulgação
Décadas depois de lutar na Primeira Guerra Mundial, a amazona interpretada por Gadot tenta superar a perda de seu grande amor, o piloto Steve Trevor (Chris Pine), enquanto combate o crime nas horas vagas.
Quando um artefato poderoso cai nas mãos do vigarista Maxwell Lord (Pedro Pascal), Diana se vê dividida entre a realização de um sonho e a sobrevivência de toda a humanidade.