MP pede prisão do presidente e vice da Câmara de Camaçari (BA)

O pedido de prisão foi realizado para “assegurar a instrução criminal e a ordem pública”

O pedido de prisão foi realizado para “assegurar a instrução criminal e a ordem pública”
Reprodução / RecordTV Itapoan

O Ministério Público da Bahia (MP/BA) divulgou nesta segunda-feira (16) ter solicitado à Justiça a decretação de prisão preventiva do presidente e vice-presidente da Câmara Municipal de Camaçari (Região Metropolitana de Salvador), Oziel dos Santos Araújo e José Paulo Bezerra.

Os legisladores foram denunciados no último dia 12 de abril, por crimes de peculato e lavagem de dinheiro. De acordo com o MP, os vereadores desviaram R$ 25 mil de recursos públicos, correspondentes a benefícios devidos a um ex-servidor da Câmara, que foi exonerado.

O pedido de prisão foi realizado para “assegurar a instrução criminal e a ordem pública”. Os vereadores já respondem a outras ações judiciais por ato de improbidade administrativa.

Também foi ajuizada contra os vereadores uma ação civil pública por ato de improbidade administrativa, na qual solicita que a Justiça determine, em decisão liminar, o imediato afastamento dos parlamentares, além do bloqueio de seus bens.

Leia mais do R7 Bahia, portal de notícias da RecordTV Itapoan

Powered by WPeMatico