Ministério da Saúde registra 142 casos de sarampo no Brasil até 1º de julho


Boletim informa mais 19 casos em São Paulo e no Rio de Janeiro desde o último relatório, do início de junho. Outros estados afetados pela doença não tiveram novas confirmações. Ministério da Saúde coleta e organiza os dados epidemiológico das secretaria de saúde
Foto: Cristine Rochol/PMPA
O Brasil registra 142 casos de sarampo desde o início de 2019, segundo o boletim epidemiológico do Ministério da Saúde datado de 1º de julho. O relatório confirma 19 novos casos da doença nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro.
São Paulo é o estado que mais viu o sarampo se expandir no último mês: são 15 novos casos, conforme o boletim. Já o Rio de Janeiro registrou 4 novos casos confirmados de sarampo. Os outros estados afetados pela doença – Pará, Minas Gerais, Santa Catarina, Amazonas e Roraima – não tiveram novas confirmações neste boletim.
Os sintomas do sarampo, doença que pode matar e voltou a assustar no Brasil
O Ministério da Saúde coleta e organiza os dados epidemiológico das secretaria de saúde de cada estado, por isso pode haver alguma diferença em relação aos números divulgados localmente.
Casos suspeitos
Em São Paulo, houve 623 notificações de casos suspeitos de sarampo no total, dos quais 340 ainda estão investigação e 217 foram descartados. Segundo o Ministério, houve “um acréscimo importante de notificações” no estado nas últimas semanas. A população de 20 a 29 anos é a mais atingida, com 42,4% dos casos.
SP tem aumento de 300% nos casos de sarampo
No Rio de Janeiro, o total de casos notificados é de 49, dos quais 30 foram descartados e 8 ainda estão em investigação.
O Pará ainda tem 6 casos suspeitos de sarampo em investigação.
São Paulo amplia campanha de vacinação contra sarampo