Mario Jr., o ‘galã’ do TikTok, viraliza fazendo charme de comédia romântica: ‘Sou assim na vida real’


Vídeos com cenas melosas viraram meme, até entre famosos. Ele fala ao G1 sobre repercussão: ‘Sou só um menino que diz coisas bonitas pra deixar as pessoas felizes.’ ‘Galã’ do TikTok, viraliza fazendo charme tipo comédia romântica
Se é mesmo verdade que essa espécie está em extinção, o último romântico tem nome e @ no TikTok.
Mario Junior, o @Izmaario, de 20 anos, virou celebridade na internet nas últimas semanas por causa dos vídeos em que reproduz o charme de um protagonista de comédia romântica americana.
Seja convidado uma garota para o baile de formatura – em português – ou, nervoso, segurando flores antes de buscá-la em casa, Mario não tem medo de clichês.
“Tem gente que fala que estou interpretando um personagem. Acho curioso. Só quem me conhece de verdade sabe que eu sou assim na vida real”, diz ao G1.
Nas gravações, ele encena diálogos melosos com uma interlocutora imaginária. Há também vídeos em que aparece na frente do espelho, enviando palavras carinhosas e mensagens de autoestima aos quase 340 mil seguidores no TikTok.
Há quem suspire. Segundo Mario, a maior parte de seu público tem entre 12 e 15 anos. “Recebo muitas e muitas mensagens de meninas que dizem se sentir bem depois de verem meus vídeos. Meninas já me disseram que curei a depressão delas”, conta.
“Mas eu sou só um menino que diz coisas bonitas na frente do espelho pra deixar as pessoas felizes.”
Mas tem também quem ache graça. Nesta semana, Mario ultrapassou a barreira do TikTok e chegou a outras redes, em memes compartilhados até por famosos, como Whindersson Nunes, Felipe Neto e Lucas Rangel.
“Tem gente achando que fico chateado, mas sou eu quem mais se diverte, Dou muita risada dos memes.”
‘Aceita ir pro baile comigo?’
Mario nasceu em São Paulo, cresceu em Florianópolis, mas atualmente vive na Inglaterra.
Lá, trabalha em um hotel, mas, por causa da pandemia do coronavírus, está parado. Ele já era usuário do TikTok, mas o tédio da quarentena o motivou a intensificar a criação de conteúdo, há pouco mais de dois meses.
Mario é brasileiro, mas vive na Inglaterra
Reprodução/Instagram
Antes de gravar um vídeo, ele pensa no conceito da cena e anota no celular. “As falas eu improviso na hora.”
Suas maiores influências são mesmo as comédias românticas, um gênero que diz adorar. Vêm daí as encenações de convites para o baile de formatura, traço marcante da cultura adolescente americana, retratada em muitos desses filmes e séries.
Mas ele jura também reviver experiências próprias. “Uns dois ou três vídeos têm situações que aconteceram comigo.”
O garoto reflete sobre o que atrai tanto os adolescentes às palavras doces de seus vídeos. “Eu acho que essa fase, de 12, 13, 14 anos, é muito complicada para os pré-adolescentes. Você não tem autoconfiança, não sabe bem quem você é. E o que eu falo tem muito a ver com isso.”
Para ele, há entre muitos jovens uma “mentalidade imatura”, de “meninos que só querem contar para os amigos com quantas meninas ficaram na festa”.
“Esse tipo de pensamento não cabe mais hoje em dia. Muitas meninas sentem falta de garotos que queiram assumi-las, que falem coisas românticas.”
Se interessou? Então aí vai uma informação importante: ele está solteiro.