Lupita Nyong’o homenageia Chadwick Boseman: ‘sua morte é soco no estômago todas as manhãs’


Atores contracenaram em ‘Pantera Negra’. Boseman morreu aos 43 anos após lutar contra câncer. Chadwick Boseman e Lupita Nyong’o na pré-estreia de ‘Pantera Negra’ nos EUA
Reuters / Mario Anzuoni
Lupita Nyong’o publicou nesta terça-feira (08) uma homenagem a seu companheiro de “Pantera Negra”, Chadwick Boseman, que morreu aos 43 anos após lutar contra um câncer, em 28 de agosto.
FOTOS da carreira de Boseman
HOMENAGENS: Artistas e autoridades lamentam
VÍDEOS: relembre filmes
Mais de dez dias após a morte do ator, Nyong’o disse que teve dificuldades em lidar com a informação. “Estou lutando para pensar e falar sobre meu amigo, Chadwick Boseman, no passado. Não faz sentido. A notícia de sua morte é um soco no estômago todas as manhãs”, disse.
Initial plugin text
“Sei que somos todos mortais, mas nós cruzamos com algumas pessoas na vida que possuem uma energia imortal, que parece que já existiram antes, que estão exatamente onde deveriam estar sempre – aqui! Chadwick era uma dessas pessoas.”
“Eu não o conhecia há muito tempo, mas ele teve um efeito profundo em mim durante o tempo que nos conhecemos. Quando nos reunimos para fazer o ‘Pantera Negra’, lembro-me de ter sido atingida por sua presença tranquila e poderosa”, continuou.
A atriz terminou enviando sentimentos à família do ator e dizendo que vai viver sua lição. “A morte de Chadwick é algo que eu não posso aceitar e nem mesmo assimilar agora. Talvez com o tempo, vou demorar. Em sua homenagem, prometo não perder meu tempo. Eu espero que você faça o mesmo.”