Lojistas vítimas de incêndio no Oiapoque terão crédito para recuperar negócios


Empreendedores viram chamas consumirem boxes do mercado municipal no dia 8 de março. Ainda não há informações sobre a causa do incêndio. Incêndio atingiu cerca de 16 boxes no Mercado Municipal de Oiapoque
Reprodução/Rede Amazônica
Cerca de 15 empreendedores que foram prejudicados com o incêndio atingiu parte do Mercado Municipal de Oiapoque, a 590 quilômetros de Macapá, no dia 8 de março, terão direito a uma linha de crédito junto à Agência de Fomento do Amapá (Afap). Com o recurso, eles poderão fazer investimentos para recuperar os negócios que tinham no local.
No total, segundo a agência, foram 16 boxes completamente destruídos pelas chamas. No mercado existem lojas de comercialização de roupas, sapatos, farmácia e salão de beleza. O mercado estava fechado no momento da combustão, que ocorreu durante a madrugada. Ainda não há informações sobre a causa do fogo.
Com o acidente, muitos empreendedores tiveram perda total dos produtos. De acordo com o presidente da Afap, Francisco de Assis, além do apoio financeiro, as linhas de crédito visam estimular a continuidade dos negócios na região.
“Nos deparamos com uma realidade muito difícil para os empreendedores, pois eles perderam praticamente tudo. Nos reunimos com eles e entramos em contato com o Banco Central para fazer a liberação, pois se trata de uma situação de tragédia”, destacou.
Segundo a Afap, os prejuízos no mercado municipal somam entre R$ 9 mil a R$ 400 mil. No dia seguinte ao incêndio, ainda havia cinzas e água no chão do estabelecimento.
De acordo com o Corpo de Bombeiros do Amapá, uma das possibilidades para o início do sinistro se deve à precariedade da rede elétrica e da grande quantidade de produtos químicos que haviam no local.
*Com informações da Rede Amazônica
Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o VC no G1 AP ou por Whatsapp, nos números (96) 99178-9663 e 99115-6081.

Powered by WPeMatico