Líder de coroinhas é acusado de estuprar adolescente em igreja

Caso é investigado pela Polícia Civil

Caso é investigado pela Polícia Civil
Reprodução

A Polícia Civil informa que está na fase final um inquérito que tem Vítor Marques Daniel, de 29 anos, como suspeito de estupro de vulnerável. Integrante de uma igreja, Vítor é acusado de abusar de um coroinha da Paróquia de Santo Antônio na cidade de Caravelas, interior da Bahia.

O adolescente, de 13 anos, acusou o suspeito após um exame concluir que o menor havia contraído sífilis, uma doença sexualmente transmissível (DST) que, supostamente, teria sido transmitida durante o abuso. 

O delegado titular Gilvan de Meireles já ouviu as testemunhas, a vítima e analisou os laudos dos exames médicos realizados.

A polícia ainda investiga a possibilidade de outros menores terem sido vítimas de abusos.

Leia mais do R7 Bahia, portal de notícias da RecordTV Itapoan

Powered by WPeMatico