Jato E195-E2 da Embraer obtém certificação da Anac


A certificação foi validada também pelas autoridades de aviação americana e europeia. Azul vai ser a primeira operadora do modelo, com entrega prevista para este ano. Jato E195-E2 teve cerimônia de certificação nesta segunda (15) em São José dos Campos
Divulgação/ Embraer
O jato comercial E195-E2 da Embraer obteve certificação da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). A informação foi dada pela fabricante brasileira nesta segunda-feira (15) e celebrada em evento na sede da companhia, em São José dos Campos (SP).
A certificação foi validada também pelas autoridades de aviação americana, Federal Aviation Administration (FAA), e europeia, European Aviation Safety Agency (Easa). As certificações, incluindo a da Anac, atestam o grau de confiança e o atendimento a requisitos estabelecidos em regulamentos mundiais de aviação.
O modelo é o segundo da nova geração de aviões E-jets , lançada em 2016 a ter a operação autorizada por órgãos regulatórios. O primeiro foi o E190-E2, cujo lançamento das operações foi com a companhia Widerøe em abril do ano passado.
O E195-E2 é a maior aeronave comercial já fabricada pela Embraer e vinha passando por testes durante todo o ano passado.
O primeiro cliente do modelo, que vai receber a primeira aeronave no segundo semestre deste ano, é a aérea Azul – que comprou 21 jatos. A carteira de pedidos firmes do E195-E2 conta com 111 aeronaves a entregar.
Sobre o E195-E2
A cabine da aeronave, com um corredor, pode ser configurada com 120 assentos em duas classes ou até 146 em classe única.
O modelo promete economia de até 24% no consumo e de 20% nos custos com manutenção, em relação ao modelo anterior.
Jato E195-E2 teve cerimônia de certificação tripla nesta segunda (15) em São José dos Campos
Divulgação/ Embraer