Japão lança campanha para preservar floresta que inspirou ‘Meu Amigo Totoro’


Cidade de Tokorozawa pede aos doadores uma contribuição de 25.000 ienes (US$ 185) para a reserva e, em troca, oferece placas criadas pelo estúdio de animação que criou o filme. Meu Amigo Totoro será exibido no sábado
Reprodução
Uma cidade japonesa lançou uma campanha de financiamento coletivo para preservar a floresta que inspirou o filme de animação “Meu Amigo Totoro”.
A cidade de Tokorozawa, localizada nos arredores de Tóquio, quer comprar um terreno de 3,5 hectares para criar a “Floresta do Totoro”, ao custo de 2,6 bilhões de ienes (cerca de US$ 19 milhões ou R$ 97 milhões) por meio de uma campanha de financiamento online, informou à AFP uma autoridade local.
“Esta área é um dos lugares que o diretor (Hayao) Miyazaki usou como inspiração”, disse um porta-voz da cidade, que busca transformar esta floresta onde existem cerca de 7.000 árvores em uma reserva natural.
O filme de animação de 1988 realizado pelo Studio Ghibl retrata Totoro como um espírito da floresta, um personagem que é reconhecido por fãs de todo o mundo.
A cidade de Tokorozawa pede aos doadores uma contribuição de 25.000 ienes (US$ 185) para a reserva e em troca oferece placas criadas pelo estúdio de animação que criou o filme.
Essas doações cobrem apenas uma pequena parte dos fundos necessários para comprar o terreno, mas a cidade espera que esta campanha gere a atenção necessária para apoiar seus esforços de preservação.