Jane Fonda é homenageada no Globo de Ouro 2021


Atriz e ativista de 83 anos recebeu prêmio Cecil B. de Mille pela carreira na televisão e no cinema. Jane Fonda é homenageada no Globo de Ouro 2021
Reprodução
Jane Fonda recebeu o prêmio Cecil B. deMille, no Globo de Ouro, pelo conjunto de sua obra na televisão e cinema e na linha de frente das questões sociais.
A cerimônia acontece neste domingo (28) e abre as premiações de Hollywood em 2021.
“Fico muito emocionada em receber esse prêmio”, afirmou Jane ao entrar no palco da premiação.
“Somos uma comunidade de contadores de histórias, e em tempos turbulentos como esses, contar histórias sempre foi essencial para mudar nossas mentes, corações, nos ajudar a ver o outro por um ponto de vista diferente”.
A atriz falou de várias séries e filmes que estão indicadas ao prêmio para mostrar como se sentiu tocada pelos temas e atuações.
Ela também pediu por mais espaço nos lugares de tomada de decisão, além da frente da câmera.
“Vamos falar de histórias em que todos possamos incluir todos os setores, vamos todos fazer um esforço para expandir essa visão para que todos sejam importantes e mostrem suas histórias”, defendeu a atriz.
Ela finalizou com: “A arte é líder, então sejamos líderes”.
Globo de Ouro 2021; FOTOS
Veja os vencedores da premiação
Fonda, de 83 anos, estreou profissionalmente em 1960 na Broadway e nas telas, e se tornou uma das maiores estrelas do cinema dos anos 1960 e 1970 com filmes como “Barbarella” e “Klute – O Passado Condena”, e mais tarde com “Num Lago Dourado” e “Como Eliminar Seu Chefe”.
Seu trabalho mais recente é a série cômica “Grace and Frankie”, da Netflix.
Ela também ganhou holofotes como ativista política, fazendo campanha contra a Guerra do Vietnã na década de 1970, contra a Guerra do Iraque em 2003 e realizando protestos semanais no ano passado para ressaltar os perigos do aquecimento global.
Filha de Henry Fonda e irmã de Peter Fonda, ambos atores falecidos, Jane recebeu dois Oscars e sete Globos de Ouro.
Entre os outros agraciados com o prêmio Cecil B. deMille estão Oprah Winfrey, Meryl Streep, Sophia Loren, Tom Hanks e Robert De Niro.
A atriz e ativista Jane Fonda fala sobre seu movimento para pressionar autoridades por ações políticas sobre as mudanças climáticas durante um almoço em 2019 no National Press Club, em Washington
Olivier Douliery/AFP