Jac anuncia caminhão elétrico no Brasil por R$ 260 mil


iET 1200 pode rodar até 200 km com uma carga da bateria. Torque, segundo a fabricante, é similar ao de caminhões maiores. Jac iET 1200
Divulgação
A Jac Motors anunciou nesta quinta-feira (30) que irá lançar um caminhão elétrico no Brasil. O iET 1200 poderá sem encomendado a partir da próxima sexta-feira (31), por R$ 259.900. As entregas, no entanto, começam apenas no final do ano.
Antes disso, em agosto, a Jac promete mostrar uma linha completa de veículos elétricos, conforme o G1 apurou no Salão de Xangai, em abril passado. Além do caminhão, a empresa vai apresentar os automóveis iEV20 e iEV40 e a picape iEP330. Todos são produzidos na China.
O iET 1200 tem motor elétrico de 177 cavalos e 122,4 kgfm, e tem peso bruto total (que é o peso do veículo mais a capacidade de carga) de 5,8 toneladas. Sua principal área de atuação deverá ser o transporte de mercadorias em centros urbanos.
A autonomia será de 200 km. As recargas podem ser feitas em tomadas de 220 volts, no modo lento, em 17 horas. Em tomadas de 380 volts, trifásicas, o tempo cai para apenas 2 horas.
A Jac estima que o custo para rodar estes 200 km seja de R$ 30, contra R$ 150 de similares a diesel, ainda segundo a fabricante. Por outro lado, o preço de compra é bastante superior. Como comparação, um Mercedes-Benz Accelo 815 custa por volta de R$ 150 mil.
Rival brasileiro
Volkswagen e-Delivery
Marcelo Brandt/G1
Segundo a Jac, o modelo será o primeiro caminhão elétrico à venda no país. A divisão de caminhões da Volkswagen também trabalha em seu modelo similar, chamado de e-Delivery.
O modelo foi apresentado em 2017 na Alemanha, como o pioneiro elétrico de desenvolvimento nacional. O G1 dirigiu o e-Delivery em julho passado.
Segundo a Volkswagen, a produção começa no ano que vem, e unidades do veículo já rodam em testes em um programa piloto da cervejaria Ambev.