Instituto Histórico de Pitangui deverá ter sede própria até maio  


Atualmente, acervo está concentrado no casarão Solar dos Campos.  Casa de Câmara e Cadeia de Pitangui se tornará a sede oficial do Instituto Histórico de Pitangui (IHP)
Reprodução/Iphan
Até maio o acervo do Instituto Histórico de Pitangui (IHP) deverá ir para a sede própria. A informação foi confirmada ao G1 nesta terça-feira (27) pelo Secretário Municipal de Cultura. O novo local é a Casa de Câmara e Cadeia de Pitangui, que está passando por reforma.
O imóvel onde será a sede definitiva do IHP está localizado na Rua José Gonçalves, no Centro. Segundo o secretário, a reforma começou em 2013 e tem valor estimado de R$ 1,5 milhão. As obras de reforma estão sob responsabilidade do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).
O instituto estava sem um espaço próprio desde setembro 2017, quando o imóvel que ocupava foi invadido por criminosos. Na época, o acervo ficava no terceiro andar de um prédio que pertencia ao Banco do Brasil, mas um grupo invadiu o local e explodiu caixas eletrônicos.
E decorrência das explosões, houve um incêndio, que atingiu o andar onde estava o acervo, mas as peças não foram danificadas.
Desde janeiro deste ano, as peças do IHP estão acomodadas em um casarão conhecido como Solar dos Campos.
Sede nova
A Casa de Câmara e Cadeia é uma construção colonial que remonta ao século 18. O local já abrigou a sede da Prefeitura e o Museu Municipal. Desde 1959, o imóvel é tombado como patrimônio histórico nacional.
Entre 1968 e meados dos anos 2000, o prédio foi a sede do IHP, que teve que mudar de endereço devido à reforma citada pelo secretário de Cultura.
Acervo
O acervo do IHP conta com documentos históricos e livros do século 18. Fazem parte do acervo dezenas de imagens sacras que foram restauradas. Na época da explosão no prédio do banco, a direção do instituto informou que apenas alguns papéis da recepção foram queimados, mas todo o material histórico, cerca de 100 mil peças, foi preservado.

Powered by WPeMatico