Huawei desenvolverá radares para carros autônomos, diz executivo


REUTERS/Aly Song

A Huawei usará tecnologia 5G para desenvolver radares para carros autônomos, disse seu vice-presidente da fabricante chinesa, que busca ter papel maior na indústria automobilística.

Leia também: Bullying de MC Gui é assunto mais comentado nas redes sociais

A Huawei construirá um ecossistema de sensores equipados em carros, disse nesta terça-feira (22) Xu Zhijun, atual titular da presidência rotativa da empresa, numa conferência sobre veículos inteligentes conectados.

A Huawei usará 5G para montar radares de ondas milimétricas a laser, disse Xu, sem dar prazo para desenvolver os produtos.

Montadoras globais e empresas de tecnologia gastaram bilhões de dólares em veículos autônomos.

Especialistas do setor, no entanto, observam que levará anos para que o setor atinja o “Nível 4” de autonomia, nos quais esses veículos poderão lidar com todos os aspectos da condução na maioria das circunstâncias, sem intervenção humana.

Os sensores de radar de onda milimétrica e de radar a laser são usados pelos fabricantes de veículos autônomos para coletar informações do ambiente ao redor do veículo.

Leia também: Chip implantado sob a pele pode substituir chaves, cartões e senhas

A decisão da Huawei ocorre conforme a China faz um grande esforço para acompanhar os Estados Unidos em uma corrida global pelo desenvolvimento de veículos autônomos.

Em abril, a empresa lançou um hardware de comunicação 5G para a indústria automotiva.

Robô astronauta russo ganhará rodas para missão espacial na Lua