Homem pode perder braço pela ação de bactéria comedora de carne

Angel Perez, de 60 anos, só queria um dia de tranquilidade e calor em Nova Jersey. Ele estava caçando caranguejos para comer, mas no dia seguinte da caça sentiu fortes dores na perna. Ele logo saberia do pior: tinha contraído uma super-bactéria daquelas que devoram a carne

Foi coisa de um dia: seus braços logo estavam inchados também e Angel ficou extremamente preocupado

Em dois dias, Angel já estava internado em estado grave!

Suas pernas e braços ficaram cheios de bolhas e muito escuros

NÃO PERCA: Dia da caça! Rato sem medo devora cobra e apavora a web

Angel foi diagnosticado com Fasciíte necrosante, uma infecção bacteriana fatal que se espalha pelos tecidos do corpo

Não por acaso, a bactéria causadora, a Vibrio, é conhecida como “devoradora de carne”

O diagnóstico foi feito em 4 de julho, feriado americano, e até o momento ele não está curado

VALE SEU CLIQUE: Livros com veneno são encontrados em biblioteca universitária

Como é uma bactéria muito potente, acontece dela não responder aos antibióticos mais poderosos já criados

E aí existe o risco de todos os quatro membros precisarem ser amputados

Em 26% dos casos desse tipo de infecção, o paciente morre

LEIA MAIS: Calor na Inglaterra derrete asfalto e deixa homem e caminhão atolados

A filha dele, Dilena Perez-Dilan, afirmou ao Daily Mail que a família visitou três hospitais, antes de ser transferido para um quarto centro médico

No momento, sua situação é estável: a bactéria saiu do sangue, mas segue em sua pele, nos quatro membros

Autoridades de Nova Jersey, nos Estados Unidos, onde ele mora, reconheceram a existência de muitos locais com a super bactéria

LEIA TAMBÉM: Espantoso! Estômago de sapo pisca após animal engolir vaga-lume

OUTRAS PESSOAS SOFRERAM COM SUPER-BACTÉRIAS

Jaco Nel, de 50 anos, ficou com uma doença horrenda responsável pela amputação das duas pernas dele, além de perder um pedaço do nariz. A infecção resultou em uma Sepse, uma complicação resultante de uma infecção grave. Tudo ocorreu depois dele ser arranhado por um cachorro

Jaco era assim antes, um homem perfeitamente saudável. Mora em Manchester com seu cachorro

Mas ao ser arranhado por seu animal — um Cocker Spaniel chamado Harvey — com um pequeno corte na mão

O resultado foi uma infecção que se alastrou por seu corpo

VEJA TAMBÉM: Fotos chocantes! Homem é contaminado por bactéria comedora de carne durante viagem e quase perde a perna

Jaco é um psiquiatra especializado em tratar pacientes com demência, que mora em Manchester, Inglaterra

Após o incidente com o cachorro, ele começou a desenvolver sintomas que achou ser uma simples gripe

VEJA O RESTANTE DESSA HISTÓRIA