Guitarra ‘Frankenstein’, solo de graça e golpe na indústria: professor explica impacto de Eddie Van Halen

Guitarrista inovou ao montar seu instrumento e teve tanto sucesso que desvalorizou marcas convencionais da época. Ao ser chamado por Michael Jackson, ele achou que era ‘pegadinha’ e depois não cobrou. Veja curiosidades. Guitarrista lista 3 curiosidades sobre Eddie Van Halen
O solo de Eddie Van Halen para um dos maiores hits de Michael Jackson, “Beat it”, foi gravado de graça.
O guitarrista customizou seu instrumento com tanto sucesso que a chamada “Frankenstein” – ou “Frankeinstrat” – fez os modelos convencionais da época se desvalorizarem.
Ele recuperou técnicas como o “tapping”, que eram pouco visadas e faziam o seu jeito de tocar ser visto como “impossível”.
Os tópicos explicados no VÍDEO ACIMA pelo professor Kleber K Shima ajudam a entender o impacto de Eddie Van Halen no rock.
O lendário guitarrista e fundador da banda Van Halen morreu aos 65 anos nesta terça-feira (6) depois de uma longa luta contra um câncer na garganta. Saiba mais.