Governo lança edital para contratação de médicos peritos em Mato Grosso


Novos peritos devem prestar serviços em Diamantino e Tangará da Serra.
Edital foi publicado no Diário Oficial que circulou na quinta-feira (9).
Atendimentos de Perícia Médica deverão ser
pulverizados (Foto: Divulgação/Seges-MT)

O governo do estado, por meio da Secretaria de Gestão (Seges-MT), abriu credenciamento, na quinta-feira (9), para contratação de médicos para realizarem avaliações médicas periciais de servidores públicos nos municípios de Diamantino, a 209 km de Cuiabá, e Tangará da Serra, a 242 km da capital.

A abertura do credenciamento foi publicada no Diário Oficial que circulou ontem e, segundo o governo, a expectativa é credenciar entre 10 e 14 novos profissionais para atender os funcionários públicos nas duas regiões. Atualmente, o estado conta apenas com 10 peritos.

Segundo a Coordenadoria de Perícia Média, a contratação dos novos médicos visa diminuir a distância percorrida e o tempo que leva entre o afastamento e a realização da perícia, que hoje gira em torno de 30 dias. Isso porque, hoje em dia, os servidores que precisam do serviço precisam percorrer cerca de 215 km para buscar atendimento em Cuiabá e nos municípios de Rondonópolis, Cáceres, Barra do Garças e Sinop.

Conforme a publicação, serão contratadas apenas pessoas físicas, ou seja, não serão aceitos credenciamentos em nome de pessoas jurídicas. Os interessados devem acessar o edital no site da Seges.

saiba mais

Em 10 anos, 60% dos servidores de MT pediram licença médica, diz CGE

TCE-MT deve começar a fiscalizar concessão de licença a professores