Funceme registra chuvas em 80 municípios do Ceará


Previsão da Funceme é de mais chuva durante decorrer da semana. Ceará teve chuva em pelo menos 80 dos 184 municípios nesta terça-feira (27). A precipitação mais forte ocorreu em Redenção, Região Metropolitana de Fortaleza, com volume de 59 milímetros, de acordo com registro da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).
A previsão para esta terça (27) é de céu nublado com chuva na serra da Ibiapaba e centro-sul do estado; nas demais regiões, nebulosidade variável com chuva. Na quarta-feira (28) deve ocorrer tempo nublado com períodos de chuva em todas as regiões cearenses no decorrer do dia, conforme previsão da Funceme. Para quinta-feira (29), nebulosidade variável com chuva em todo o estado.
Conforme a Funceme, uma Zona de Convergência Intertropical – banda de nuvens que circunda a faixa equatorial do globo terrestre, formada pela confluência dos ventos alísios do hemisfério norte com os ventos alísios do hemisfério sul propicia a formação de chuva na região.
Açudes
Com as chuvas acumuladas na semana passada, chega a oito o número de açudes no estado que estão com 100% da capacidade: Acaraú Mirim, em Massapê; Caldeirões, em Saboeiro; Itaúna, na cidade de Granja; Tucunduba, em Senador Sá; Cocó, na capital; Germinal, no município de Palmácia; Tijuquinha, em Baturité; e Colina, na cidade de Quiterianópolis. Onze açude do Ceará estão com capacidade acima de 90%.
Os maiores açudes do Ceará, no entanto, seguem em situação crítica. O Castanhão, principal reservatório a abastecer a Grande Fortaleza, tem apenas 3,81% da capacidade máxima; o Orós, segundo maior açude do estado, tem 6,23% do volume máximo.
Lista de açudes sangrando no Ceará
Açudes cheios no Ceará viram pontos de visita com as cheias
TV Verdes Mares/Reprodução
Estado está 3 graus mais quente, aponta estudo
O Ceará está até três graus mais quente do que a média histórica durante este mês de março, segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Nesta quarta-feira (21), a temperatura tem máxima de 32º C no estado.
A falta de chuvas e, consequentemente, o enfraquecimento dos ventos têm contribuído para elevar as temperaturas, de acordo com o meteorologista da Funceme Davi Ferran. “Quando começou a chover de forma mais regular e mais intensa, o calor tende a diminuir”, afirma.

Powered by WPeMatico