Executivo da Microsoft diz que Google Stadia ‘não tem conteúdo’

Recentemente, um executivo da Microsoft comentou sobre o Google Stadia e outras plataformas de jogos pela nuvem, dizendo que “eles não tem o conteúdo” para competir com os maiores participantes da indústria. De acordo com The Telegraph (via WCCFTech), o chefe da divisão de marketing, Mike Nichols, argumentou que, embora estes tenham a infraestrutura necessária, lhes falta conteúdo para florecer no mercado.

“Competidores que emergem, como o Google, têm uma infraestrutura de nuvem, uma comunidade com YouTube, mas não têm conteúdo. Você não precisará de um dispositivo ao longo do tempo, mas você terá a melhor experiência com poder de processamento local”, diz Nichols. Anteriormente, o chefe da divisão Xbox, Phil Spencer, havia dito que “não houve grandes surpresas no anúncio” do Stadia.

O IGN entrou em contato com a Microsoft para comentar o assunto. Um representante da empresa disse que “é um ótimo tempo para ser um jogador. Na Xbox, estamos colocando jogadores no centro da nossa visão do futuro de games ao entregar conteúdo de peso da Xbox Game Studios e nosso parceiros, expandindo a comunidade de sucesso da Xbox e dando a eles a escolha e oportunidade de como jogar em todos os dispositivos e por meio do Project xCloud”.

Embora o comentário de Nichols parece fazer referência a conteúdo first-party e third-party chegando ao Stadia, Phil Harrison, da Google (e ex-vice-presidente corporativo da Microsoft) contou ao IGN que conteúdo first-party é fundamental ao Stadia. Ele também falou sobre as exigências de rede da plataforma, combateu rumores de que o Google planejou um console físico, e discutiu se o Stadia vai competir com a PlayStation e a Xbox.

Para mais sobre o Stadia, confira tudo sobre a nova plataforma de games da Google e também todos os games que foram confirmados para o serviço até agora.

*Tradução por: Bruno Yonezawa

Inscreva-se no canal do IGN Brasil no Youtube e visite as nossas páginas no Facebook, Twitter, Instagram e Twitch!