Estudantes marcam atos em 150 cidades contra cortes na Educação

Estudantes protestam contra cortes na Educação

Estudantes protestam contra cortes na Educação
Edu Garcia/R7 – 15.5.2019

Entidades estudantis marcaram atos em defesa da Educação em 150 cidades de 20 Estados para esta quinta-feira (30).

Os protestos são organizados por estudantes da UNE (União Nacional dos Estudantes) e Ubes (União Brasileira dos Secundaristas) contra o contingenciamento de recursos do MEC (Ministério da Educação).

Atos reúnem manifestantes em mais de 200 cidades contra cortes

Tanto UNE como Ubes destacam que os atos são uma resposta à decisão do ministro da Educação, Abraham Weintraub, que reduziu o orçamento das universidades federais, bloqueou recursos para ações e programas da área e cortou bolsas de pesquisa.

Em São Paulo, o ponto de encontro será às 16h no Largo da Batata e os manifestantes seguirão até o Masp (Museu de Arte de São Paulo), na avenida Paulista. Na capital mineira, a praça Afonso Arinos será o ponto de encontro às 17h. No Rio de Janeiro, os protestos começam às 15h na Candelária. E em Brasília, os estudantes devem se reunir às 10h em frente ao Museu Nacional.

Também são esperados atos fora do Brasil. Estudantes nos Estados Unidos, Portugal, Irlanda, Suíça, Holanda e Luxemburgo.

Os principais sindicatos de educadores paulistas convocaram os servidores para paralisarem as atividades nesta quinta-feira.