Elza Soares brada contra racismo estrutural em single com rapper Flávio Renegado


Conheça a letra de ‘Negão Negra’, música inédita que será lançada pelos cantores em 24 de julho. “Nunca foi fácil / Nunca será / Para o povo preto / Do preconceito se libertar / Sempre foi luta / Sempre foi porada / Contra o racismo estrutural / Barra pesada”.
♪ As rimas iniciais da letra de Negão Negra já dão o tom de protesto do single inédito que junta a cantora carioca Elza Soares com o rapper mineiro Flávio Renegado.
Reunidos na interpretação dessa música feita pelo rapper em parceria com o compositor carioca Gabriel Moura, Elza e Renegado bradam em Negão Negra contra o racismo entranhado nas estruturas da sociedade e contra as injustiças sofridas cotidianamente pelo povo negro.
O single Negão Negra chega às plataformas de áudio em 24 de julho, dois dias após a data em que Elza Soares completa efetivamente 90 anos de vida. Feita no ritmo do rap, a gravação da música foi turbinada com batidas eletrônicas.
♪ Eis a letra de Negão Negra, música inédita de Flávio Renegado e Gabriel Moura:
“Nunca foi fácil
Nunca será
Para o povo preto
Do preconceito se libertar
Sempre foi luta
Sempre foi porrada
Contra o racismo estrutural
Barra pesada
Negão, negão, negão, negão
Negão, negão, negão, negão
Negra, negra, negra, negra
Negra, neeegraaa
Negão, negão, negão, negão
Negão, negão, negão, negão
Negra, negra, negra, negra
Negra, neeegraaa
Fala pro homem cordial e sua falha engrenagem
Sou corpo livre, com amor, cor e com coragem
Pra cada um que cai, choramos rios e mares
Mas nunca calaram as nossas vozes milhares
Sem gêneros ou preceitos, Humanos em nova fase
Wakanda é o meu mundo, Palmares o setor a base
Quem topa esse role da asas a liberdade
No feat filho do rei e a deusa Elza Soares
Todos os dias me levanto
Olho no espelho
Sempre me encanto
Com meu cabelo
E a cor da pele
Dos meus ancestrais
Todas as noites no quarto escuro
Peço a Deus e aos Orixás
Que a escravidão não volte
Nunca, nunca, nunca mais
Negão, negão, negão, negão
Negão, negão, negão, negão
Negra, negra, negra, negra
Negra, neeegraaa
Negão negão negão negão
Negão negão negão negão
Negra, negra, negra, negra
Negra, neeegraaa”