Elis Regina é revivida pelo filho em talk show com gravações e vídeos raros da cantora


Espetáculo estreia em setembro no rastro do lançamento do livro de memórias de João Marcello Bôscoli. ♪ Morta há 38 anos, Elis Regina (17 de março de 1945 – 19 de janeiro de 1982) continua sendo uma das saudades mais doídas do Brasil. Filho mais velho da cantora, João Marcello Bôscoli vem atiçando essa saudade.
No rastro do lançamento do livro de memórias, Elis e eu – 11 anos, 6 meses e 19 dias com minha mãe (2019), o produtor musical vem reavivando a memória da cantora em debates e lives. O próximo passo de João Marcello é a concretização do espetáculo também intitulado Elis e eu, idealizado pelo artista com material raro da mãe.
Programado para 13 de setembro no Drive-in das Américas, situado no estacionamento do Espaço das Américas na cidade de São Paulo (SP), o espetáculo Elis e eu é espécie de talk show em que João Marcello Bôscoli vai apresentar fotos, objetos pessoais e vídeos da cantora, a serem exibidos em telão de LED de 15 x 4 metros.
Com a experiência de quem já produziu edições expandidas e remixadas de álbuns como Elis & Tom (1974), Falso brilhante (1976) e Elis (1980), o filho da cantora também promete apresentar gravações a capella da artista. São registros fonográficos em que os sons dos instrumentos foram retirados para que a voz de Elis Regina ecoe sozinha, acentuando a amplitude do canto dessa intérprete imortal.