Economia uruguaia cresceu 1,6% em 2018


Apesar do crescimento do PIB, os dados apontam para uma desaceleração. Vista de Montevidéu
Reprodução
O Produto Interno Bruto (PIB) do Uruguai cresceu 1,6% em 2018 em relação a 2017, informou nesta quinta-feira (28) o Banco Central (BCU).
No quarto trimestre, houve expansão foi de 0,6% contra o mesmo período do ano anterior, mas recuo de 0,1% no em relação aos três meses anteriores – o que mostra uma desaceleração da atividade.
O Uruguai tinha registrado um crescimento muito superior, de 2,7%, em 2017 sobre 2016.
De acordo com o Relatório de Contas nacionais, a atividade caiu em diversos setores que são significativos geradores de emprego. O setor da construção teve variação negativa de 2,8%, e o que inclui comércio, reformas, restaurantes e hotéis apresentou queda de 1,3%.
As atividades agropecuárias registraram expansão de 5,7%, e o setor de transporte e telecomunicações avançou 6,8%. Enquanto a agricultura teve uma incidência de apenas 0,3 ponto na expansão do PIB, os transportes e as telecomunicações contribuíram com 1,3 ponto.
Em termos de comércio exterior, as exportações de bens e serviços fecharam o ano de 2018 com queda de 4,8% e as importações recuaram 2% em volume.
“Isso determinou que o volume da balança comercial com o exterior ficasse mais negativo que o do ano anterior em termos de volume físico”, destaca o relatório.