Dupla é presa por não pagar corrida de táxi em Porto Velho


Jovens tentaram fugir para não pagar corrida, mas foram presos. Eles estavam embriagados e não sabiam informar onde moravam. Dupla presa foi levada para a Central de Flagrantes de Porto Velho
Jheniffer Núbia / G1
Dois jovens, ambos com 21 anos, foram presos após não pagarem uma corrida de táxi a um taxista de 25 anos na madrugada deste sábado (24), na Zona Leste de Porto Velho. Eles pediram para o motorista parar para beberem água e tentaram fugir, mas foram encontrados pela polícia.
De acordo com o boletim de ocorrência, a Polícia Militar (PM) foi informada que uma enfermeira da Unidade de Pronto Atendimento da Zona Leste (UPA-Leste) viu dois homens nos fundos da instituição.
A PM foi até o local e um taxista se apresentou e informou que dois homens pediram um táxi e disseram que iriam para o Residencial Orgulho do Madeira. Eles deram uma quantia inicial e informaram que o restante do valor da corrida seria entregue quando eles estivessem em casa.
Durante o percurso, os suspeitos pediram para que o motorista do táxi parasse na UPA-Leste, pois eles estavam com sede e queriam beber água. Mas os suspeitos fugiram do local pelos fundos.
Ao ouvir as informações do jovem, a PM fez buscas pelo bairro e conseguiu localizar os dois jovens no cruzamento das ruas Benedito Inocêncio com Idalva Fraga Moreira. Eles foram abordados e levados até a vítima, que os reconheceu como os dois passageiros que não pagaram a corrida.
Os militares questionaram onde os suspeitos moravam, mas ele apenas informavam que moravam no Residencial Orgulho do Madeira e que estavam embrigados. Como a dupla não tinham como quitar a dívida, receberam voz de prisão e foram levados para a Central de Flagrantes. O caso foi registrado como outras fraudes.

Powered by WPeMatico