Dupla carioca Nu Azeite mixa batida da house com som Black Rio


Duo formado pelo DJ Bernardo Campos com o tecladista Fábio Santanna lança o primeiro álbum com ecos do balanço de Tim Maia e da disco music. ♪ Em dezembro, foi impossível para um ouvinte brasileiro – sobretudo se ele fosse carioca – dissociar o groove do disco-funk Vem com noix do balanço de Tim Maia (1942 – 1998). A referência é assumida pelo DJ Bernardo Campos e pelo tecladista Fábio Santanna.
Ambos cariocas, o DJ e o músico formam a dupla Nu Azeite, cujo primeiro álbum – batizado com o nome do duo – chega aos players digitais na sexta-feira, 29 de janeiro, com temas como Arpoador, Bahia, Chicago, Flores e Palmeira.
Vem com noix foi o segundo single do álbum anunciado em novembro com a apresentação da faixa Me deixa louca, abordagem contemporânea da quarentona disco music na voz de Bia Barros.
Lançado pelo selo Cocada Music, braço latino-americano do selo alemão de música eletrônica Get Physical, o álbum Nu Azeite está calcado no groove, no boogie brasileiro, no balanço resultante do mix do som Black Rio com a batida da house music e com ecos da disco music.
Na prática, a dupla Nu Azeite junta a house de Bernardo Campos – DJ residente na festa carioca Rara e com conexões em pistas internacionais – com a brasilidade impregnada no toque dos teclados de Fábio Santanna.
A pulsação do disco-funk e a paixão pelo balanço afro-baiano de Salvador (BA) – reflexo da admiração comum dos artistas por Gilberto Gil – incrementam a mistura desse duo que se propõe a tocar da cidade do Rio de Janeiro (RJ) para o mundo, unindo passado e presente na mesma pista.
Capa do álbum ‘Nu Azeite’, da dupla Nu Azeite
Divulgação