Deslizamentos de terra deixam 76 mortos após chuvas na Índia


Dezenas de pessoas estão desaparecidas no estado de Maharashtra, no oeste da Índia. Chuvas intensas também bloquearam várias estradas e fizeram o rio Vashishti transbordar. Equipes de resgate procuram por sobreviventes após desabamento de uma casa devido a um deslizamento de terra em meio a fortes chuvas em Mumbai, na Índia, em 18 de julho de 2021
Niharika Kulkarni/Reuters
Ao menos 76 pessoas morreram e dezenas estão desaparecidas após deslizamentos de terra no estado de Maharashtra, no oeste da Índia, causados por chuvas torrenciais das monções.
A magnitude dos danos dificulta os trabalhos de resgate. Os deslizamentos bloquearam várias estradas, inclusive a rodovia entre Mumbai, a capital do estado, e Goa.
Partes da costa oeste da Índia receberam até 594 mm de chuva em 24 horas, forçando autoridades a evacuar pessoas que vivem em áreas vulneráveis e a liberar água de represas que ameaçam transbordar.
“Chuvas inesperadas e muito fortes provocaram deslizamentos de terra em muitos lugares e rios inundados”, afirmou Uddhav Thackeray, ministro-chefe que governa Maharashtra.
“Represas e rios estão transbordando. Somos forçados a liberar água de represas e, portanto, estamos transferindo as pessoas que moram perto das margens dos rios para lugares mais seguros.”
As 24 horas ininterruptas de intensas chuvas fizeram o rio Vashishti transbordar, e alguns bairros da cidade de Chiplun, a cerca de 250 km de Mumbai, estão sob 3,5 metros de água.