Demi Lovato diz que vai gravar música após invasão ao congresso: ‘Estou com raiva e envergonhada’


Em post no Twitter, cantora se disse ‘com o coração partido’ com a invasão de extremistas apoiadores de Donald Trump ao Capitólio. Demi Lovato cantou o hino americano antes do Super Bowl
David J. Phillip/AP
Demi Lovato afirmou em seu Twitter que está trabalhando em um projeto especial após a invasão de extremistas apoiadores de Donald Trump ao Capitólio, edifício sede do Congresso dos Estados Unidos, nesta quarta-feira (6).
No Twitter, a cantora se disse “envergonhada” e com o “coração partido” com o ato e respondeu aos comentários sobre pedidos para que ela lance mais um álbum em vez de fazer manifestos políticos.
“Meu coração está partido. Me deixa triste em ver quão ingênua eu fui em não pensar que isso poderia acontecer. E ainda assim aconteceu. Aqui estamos nós. Para todos que estão comentando ‘onde está o D7’ ou esperando que eu cante em vez de falar sobre as mudanças que precisamos em nosso país…”.
“É por isso que eu posto tanto quanto posso. É por isso que eu e importo. Isso não pode mais acontecer. Estou com raiva, constrangida e envergonhada. Estou no estúdio trabalhando em algo especial depois do ataque à democracia hoje”, escreveu a cantora no twitter.
Initial plugin text