Contratação de crédito no Plano Safra e Pronaf soma R$ 129 bilhões e 2018/19


Volume representa crescimento de 8%. Do total, R$ 129 bilhões foram tomados pelo setor empresarial e R$ 18,8 bilhões por agricultores familiares. No total, foram liberados R$ 194 bilhões para grandes produtores e R$ 31 para agricultura familiar neste ano-safra
Tony Winston/Agência Brasília
A contratação total de crédito no Plano Safra 2018/19 e para a agricultura familiar (Pronaf) alcançou R$ 129 bilhões no período de julho de 2018 a março de 2019, alta de 8% na comparação com igual período da temporada anterior, informou nesta segunda-feira (8) o Ministério da Agricultura.
Segundo a pasta, R$ 110 bilhões correspondem ao financiamento rural para o setor empresarial (Plano Safra), avanço de 6% em relação a 2017/18. Os demais R$ 18,8 bilhões se referem à agricultura familiar, um aumento de 16% na comparação com a safra anterior.
O secretário de Política Agrícola do ministério, Eduardo Sampaio Marques, disse em nota que “a demanda por recursos nos programas de investimento surpreendeu com a aplicação quase integral dos recursos programados para este ano-safra.”
No total, o governo liberou R$ 194,3 bilhões para o Plano Safra (para médio e grande produtor) e R$ 31 bilhões para o Pronaf (agricultura familiar) nesta temporada.
“O apetite por novas inversões mostra o otimismo do setor com o futuro”, emendou Marques.
Custeio, investimentos e comercialização lideram as áreas de aporte no Pano Safra, somando R$ 105 bilhões.