Conheça os animais bizarros que vivem no fundo do oceano

<div class="media_box full-dimensions660x360">

<div class="edges">
<img class="croppable" src="https://img.r7.com/images/oceano-16122019160504499?dimensions=660×360" title="Fauna marinha que habita as profundezas do oceano" alt="Fauna marinha que habita as profundezas do oceano" />
<div class="gallery_link">
</div>

</div>
<div class="content_image">
<span class="legend_box ">Fauna marinha que habita as profundezas do oceano</span>
<span class="credit_box ">Divulgação/Instituto Oceanográfico Woods Hole</span>
</div>
</div>

<p>
O fundo do mar é tão deseconhecido para a humanidade quanto o espaço. A prova disso é que mais pessoas estiveram na lua do que nas profundezas dos oceanos. Pensando nisso, um programador norte-americano desenvolveu o site The Deep Sea, no qual é possível explorar cada metro das águas profundas.</p>
<p>
Entre curiosidades sobre a natureza do local, informações sobre os animais, o projeto informa até mesmo sobre naufrágios famosos. O Titanic, por exemplo, afundou em 1912 e o site aponta a exatamente a profundidade do local onde estão os destroços do navio.</p>
<p>
Durante navegação da página, é possível encontrar os primeiros animais na faixa de 6m. Logo abaixo, aparece o urso polar aos 18 metros. A baleia orca, popularmente conhecida como baleia assassina, surge por volta dos 100 metros.</p>
<p>
O projeto fica mais interessante ao chegar nas regiões mais inóspitas ao homem, como a Zona do Crepúsculo, ambiente que fica entre 200 metros e 1000 metros de profundidade. A região é escura e os animais que habitam esse local têm características próprias que ajudam a sobreviver nesse parte dos oceanos.</p>

<div class="media_box full-dimensions660x360">

<div class="edges">
<img class="croppable" src="https://img.r7.com/images/fundo-do-mar-16122019160608259?dimensions=660×360" title="Site permite navegar pelo oceano e explorar sua profundidade" alt="Site permite navegar pelo oceano e explorar sua profundidade" />
<div class="gallery_link">
</div>

</div>
<div class="content_image">
<span class="legend_box ">Site permite navegar pelo oceano e explorar sua profundidade</span>
<span class="credit_box ">Divulgação/The Deep Sea</span>
</div>
</div>

<p>
Até hoje, o mergulho mais profundo do homem, com cilindro, foi na marca de 332 metros, feito pelo mergulhador egípcio Ahmed Gabr, em 2014, no Mar Vermelho.</p>
<p>
Formado pela Universidade de Virginia, nos EUA, Neal Agarwal afirma em seu perfil que gosta de combinar criatividade com tecnologia e que programa desde os dez anos de idade. Conheça o projeto de Agarwal <em><a href="https://neal.fun/deep-sea/">The Deep Sea</a></em>, o site está inglês.</p>
<p>
<em>*Estagiário do </em><strong>R7</strong><em>, sob supervisão de Pablo Marques</em></p>