Com enchente causada pelo Furacão Ida, jacaré invade casa e arranca braço de um homem que está desaparecido


Mulher procurou a polícia e disse que homem foi atacado por jacaré; ela saiu para procurar ajuda e, quando voltou, ele estava desaparecido. Imagem de um jacaré em uma região pantanosa
Instituto Mamirauá
Um homem de 71 anos da cidade de Slidell, na Louisiana, nos Estados Unidos, pode ter sido morto por um jacaré que entrou em sua casa depois de uma enchente causada pelo Furacão Ida.
Os policiais da região afirmaram que a mulher do idoso procurou ajuda. Ela afirmou que viu o marido ser atacado por um grande jacaré na comunidade onde eles vivem. A mulher disse que conseguiu interromper o ataque e tirar o marido da água da enchente. O marido estava gravemente ferido, segundo ela, e por isso ela foi pedir ajuda com um barco pequeno. Quando ela voltou, o marido não estava mais lá, de acordo com o relatório da polícia.
Mapa mostra onde aconteceu incidente com o jacaré
G1
De acordo com a rede CBS, o jacaré havia arrancado um braço do homem. Ainda segundo a rede, há uma operação para tentar encontrar o homem.
O casal mora perto de um lago. Há muitos jacarés de grande porte na área porque alguns moradores da comunidade alimentam os animais.
Mortos após o furacão Ida
Morreram duas pessoas no estado da Louisiana em decorrência das enchentes causadas pelo furacão Ida. No estado do Mississippi, outras duas pessoas morreram, e dez ficaram feridas em uma queda de uma rodovia que foi causada pelo furacão.
VÍDEO: Antes e depois do Furacão Ida
Veja os vídeos mais assistidos do G1