Cicely Tyson, atriz indicada a Oscar por ‘Lágrimas de Esperança’, morre aos 96 anos


Ex-modelo, americana ganhou um prêmio Tony, três troféus do Emmy e um Oscar honorário pela carreira. Cicely Tyson chega a premiação em 2019, em Los Angeles
Richard Shotwell/Invision/AP
A atriz americana Cicely Tyson, indicada a Oscar por “Lágrimas de Esperança” (1972), morreu aos 96 anos nesta quinta-feira (28).
De acordo com a agência de notícias Associated Press, a informação foi divulgada pela família através do empresário da atriz, Larry Thompson. A causa da morte não foi revelada.
“Com corações pesados, a família da senhora Cicely Tyson anuncia sua morte pacífica esta tarde. Neste momento, por favor respeite a privacidade da família”, diz um comunicado.
Além da indicação ao maior prêmio do cinema, a ex-modelo foi vencedora do grande prêmio do teatro, o Tony, em 2013, e de três estatuetas do Emmy — dois deles pela atuação no filme para a TV “The Autobiography of Miss Jane Pittman” (1974).
“No começo da carreira, Cicely Tyson prometeu a si mesma que iria retratar apenas mulheres fortes. Harriet Tubman. Coretta Scott King. Miss Jane Pittman e tantas outras. Ganhadora de Oscar honorário em 2019 por sua carreira extraordinária, ela liderou pelo exemplo e vai fazer falta”, escreveu a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, organizadora da premiação.
Initial plugin text
Nos últimos anos, esteve em filmes como “Histórias cruzadas” (2011) e “A melhor escolha” (2017). Também passou por séries como “House of cards” e “How to get away with murder”.
Michelle Obama posa para foto com a ex-modelo Cicely Tyson em evento em 2019
Bennett Raglin / Getty Images North America / AFP