Hands-on | The Division 2 ganha respiro com expansão Warlords of New York

Ubisoft é a empresa com habilidade suficiente para dar sobrevida a jogos que não ganharam o favoritismo do público. Esse é o caso de The Division 2. O game de tiro em terceira pessoa tinha tudo para conseguir abrir espaço no gênero chamado “loot shooter”. Isso porque Anthem, da EA, e a expansão de Destiny 2 não tinham cravado as garras nos fãs do gênero.

 

Porém, o título da Ubisoft teve uma recepção apenas mediana e agora vai ganhar sua primeira expansão, Warlods of New York, com novo mapa, narrativa, equipamentos e toda sorte de conteúdos extras.

A reportagem do Canaltech teve acesso a uma build ainda não finalizada de parte desse conteúdo. Vale ressaltar que não se trata de uma versão de testes e que muitas mudanças podem acontecer até o lançamento oficial da expansão, marcado para o dia 3 de março no PlayStation 4, Xbox One e PC.

A Ubisoft quer trazer de volta os jogadores apaixonados de The Division. Por isso, a expansão retorna exatamente para a mesma cidade do primeiro jogo. Contudo, o mapa é, na medida do possível, novo. A desenvolvedora continua com o sistema de réplica um para um de cidades, típicos de seus títulos. Entretanto, na história do jogo, Nova York foi devastada por um forte furacão, dando um desenho novo à cidade.

Retomada

Além da localidade, Warlods of New York também retorna para a história do primeiro título. Essa expansão se passa 8 meses após os acontecimentos de The Division e apenas dois meses após o final do segundo game da série.

 

Jogo se passa em uma Nova Yok revirada por um furacão (Foto: Wagner Wakka/Canaltech)

O novo conteúdo é todo baseado no arco do vilão Aaron Keener, inimigo de The Division que escapa no final da trama, deixando o roteiro em aberto. Assim, esta expansão mostra como Keener dominou regiões de Nova York e formou seu próprio grupo autogovernado.

O vilão consegue juntar uma legião de quatro outros parceiros que vão funcionar como líderes de cada área espalhada pelo mapa. A parte interessante é que cada um conta com uma habilidade específica, que vai ser explorada naque espaço e que o jogador adquire ao executar o chefe da região.

De acordo com a empresa, a ideia é que o jogador possa fazer o caminho que desejar, sem uma sequência exata de qual inimigo enfrentar.

Novatos e antigos

Um dos problemas de grandes expansões é que elas são de difícil acesso para quem não está acompanhando o game há um tempo. Por conta disso, a Ubisoft criou um mecanismo que permite o jogador ir diretamente para a expansão, sem a necessidade de jogar a trama principal de The Division 2.

Ao comprar o conteúdo extra, o jogador receberá experiência e equipamentos para criar um personagem já no nível 30, necessário para batalhar em Nova York. Até mesmo quem já está no game há tempos vai receber essa vantagem, podendo criar um novo personagem, caso queira.

Outra mudança é que cooperar será mais recompensador que no jogo original. Isso quer dizer que, caso você entre na partida de alguém para ajudar, mesmo estando em nível mais alto, vai receber armas e equipamentos compatíveis.

A Ubisoft também quer que o conteúdo extra seja mais acessível. Assim, as armas também foram levemente simplificadas. Isso quer dizer que não há mais diversas variantes para uma mesma metralhadora ou pistola, o que torna os itens únicos e maios prazerosos de se obter.

Temporadas

Warlods of New York também vai funcionar sob um esquema de temporadas de 3 meses. A cada período, a Ubisoft promete uma nova adição à narrativa, com mais um grande personagem a ser combatido.

A cada trimestre, haverá novos equipamentos, itens cosméticos e armas, sendo que as pontuações de melhores jogadores vai ser reiniciada. Assim, a companhia espera conseguir manter os fãs interagindo com o game por mais tempo.

As tumbas

Atenção, daqui em diante este texto pode conter spoilers de inimigos e missões de Warlods of New York.

A reportagem do Canaltech teve acesso a quase duas horas de gameplay de Warlods of New York. Para esse teste, havia apenas uma área que poderia ser explorada, liderada por Theo Parnell.

A região é de um antigo presídio da cidade, cujas celas e mecanismos de defesa funcionam como um forte para sua invasão. Toda a linha para chegar ao chefe é bastante interessante, embora explore mecanismos típicos do gênero.

O jogador avança pelo lugar e é apresentado a hordas de inimigos.

Ou seja, você entra em uma sala, batalha e elimina todos, pega os equipamentos e segue para o próximo ponto de conflito.

A habilidade especial de Parnell é a criação de hologramas. Isso cria um elemento bastante interessante para a batalha até mesmo antes de chegar ao conflito final.

Isso porque o holograma é exatamente igual ao personagem real e totalmente confundível.

Você só percebe que é uma distração quando atira no boneco e um aviso de “imune” aparece acima da cabeça. O holograma, portanto, é uma distração que pode significar a morte do seu time nos momentos mais tensos.

A caminhada pelo presídio é interessante, mas não destoa muito do ciclo de gameplay que já se tem em The Division 2. Uma diferença aqui é como este novo arco é desafiador.

O teste reservado a jornalistas tinha um gameplay solo, ou no máximo em dupla. Isso resultou em mortes recorrentes durante as duas horas de jogatina.

O aumento de dificuldade é justificável, tendo em vista que se trata de uma expansão, logo, com foco em quem já terminou o game base. A vantagem, entretanto, é que também funciona para novatos. Isso porque é possível jogar em times, com auxílio dos mais experientes a quem está começando agora.

A batalha final, contudo, é o melhor momento da demonstração. Depois de passar pelo presídio e pelo tribunal anexo ao prédio, o conflito com Parnell é realizado fora do conjunto, em um ambiente mais aberto.

Ele abusa da sua habilidade de holograma, espalhando vários inimigos falsos pelo cenário, fazendo o jogador gastar bala a toa. De certa forma, ser enganado aqui é feito na medida certa e traz um prazer ao superar o desafio.

Também é um bom respiro que foge o ciclo repetitivo de atirar e andar para a próxima sala que The Division 2 carrega.

Parnell se apresenta com um padrão divertido. No ambiente há seis torres, nas quais há cinco hologramas e um personagem verdadeiro. O atrativo aqui é ir testando cada um deles até descobrir o correto e avisar seu time.

The Division 2 ainda não tem um sistema como o de Apex Legends, no qual é possível avisar visualmente os outros jogadores onde está o inimigo. Para resolver isso, a Ubisoft colocou abaixo de cada torre as palavras “alpha”, “beta”, “charlie” “delta”, até a letra F. Assim, é possível falar no microfone para os outros jogadores: “o verdadeiro está em beta” e todos atiram lá.

Você precisa fazer isso enquanto enfrenta algumas hordas de inimigos comuns, outros mais fortes, com drones e até torretas. No fim, quando você já tirou bastante vida dele, o vilão desce para o campo de batalha para o confronto final.

A demo terminou com a morte de Parnell e o acesso ao item especial que permite ao jogador criar seus próprios hologramas. Contudo, não foi possível testar a novidade.

Lançamento

The Division 2: Warlords of New York chega oficialmente em 3 de março e será vendido a R$ 99 no PlayStation 4 e Xbox One, ou a R$ 89 para PC pela Uplay. A Ubisoft também vai lançar um pacote com o jogo base acompanhado da expansão por R$ 229,99 no PlayStation 4 e Xbox One, com redução para R$ 179,99 no PC, também via Uplay..

Please enter banners and links.

Black Friday 2019 a Preparação e o Planejamento

Black Friday 2019 a Preparação e o Planejamento

Muitas pessoas passam vários períodos do ano guardando dinheiro e esperando a vinda da black Friday, uma data importante a qual se consegue na grande maioria das vezes comprar produtos com bons descontos á vista pela coletividade das compras em um todo.

black friday

Mas como Podemos nos Preparar para Essa Data?

Muita gente faz compras de Natal pelo cartão de crédito ou mesmo as compras de inicio de ano para poder iniciar o ano com o mínimo aceitável o que as vezes acaba acarretando em dívidas de seus cartões de crédito ou mesmo assim acaba com pouco dinheiro para poder fazer compras.
Cartões de crédito são o maior vilão em conta disso porque uma pessoa que quer comprar na Black Friday precisa urgentemente estar com o cartão pago ou (pelo menos grande parte dele) para ter limite disponível para novas compras.
Fato que o planejamento da Black Friday temos que todos os meses guardar uma pequena quantia de dinheiro para aproveitarmos as melhores ofertas possíveis ou comprando com limite do cartão de crédito ou mesmo á vista com o dinheiro que reservamos para isso.
Black Friday geralmente tem muitas ofertas mas infelizmente não temos como comprar todas até porque não existe bolso suficiente para adquirir tais produtos. Sempre busque se planejar na Black Friday optando por comprar somente o necessário ou aquele tão sonhado bem que você tanto deseja.
A Primeira coisa a fazer além de juntar dinheiro em outros meses do ano é se planejar com esse dinheiro não utilizando o mesmo para outra coisa e sempre que possível colocando mais valores para juntar até que se consiga de fato fazer a tão sonhada compra.
Eu levei meses para comprar minha primeira câmera de vídeo para filmagens, desde então me planejei ao máximo para comprar na Black Friday porque sendo aqui no Brasil a maioria das lojas estava na época saturada de mercadorias e com muito pouco clientes disponíveis para compra o que obrigou as empresas a baixarem os preços.
Nesse caso as empresas optam pela Black Friday para baixarem ainda mais os preços e tentar atingir o consumidor final que sempre é e sempre será o foco das lojas.
Lembro que aguardei na época em torno de noventa dias para comprar a câmera visto que a mesma sempre era um preço alto e caro fechado. Com isso estava impossibilitado de comprar a câmera por uma diferença de 20% nos preços para o dinheiro que na época eu possuía.
Cheguei até mesmo desistir de comprar o produto foi quando apareceu uma oferta da Black Friday com quarenta porcento de desconto no preço da tão sonhada câmera filmadora que eu tanto desejava.
Eu tinha na época em torno de vinte porcento a menos do preço normal, então essa foi minha chance de conseguir comprar a minha com um desconto de quarenta porcento sendo assim sobrou até mesmo dinheiro para comprar um pedestal para a mesma câmera que estava na promoção com desconto.

A Compra de Minha Câmera Filmadora na Black Friday

Resumidamente eu me planejei em comprar a câmera filmadora com desconto e ainda tive a surpresa de poder comprar um pedestal com suporte incluso para uso dela graças as promoções as quais a Black Friday proporcionaram para mim.
Black Friday é sempre planejamento e sendo bem planejado você consegue descontos incríveis.
Um Site com ótimos descontos dos Estados Unidos que indico é o SlickDeals

Link Direto do Site deles é https://slickdeals.net/blackfriday/

Esse Site tem ótimas ofertas e referências sobre os produtos eletrônicos de ótima qualidade e o melhor preço direto de fabricantes internacionais.

Para quem for comprar aqui do Brasil creio que tenha algumas taxas de importação pelos correios Brasileiro, porém se levarmos valores em consideração temos como chegar a conclusão que mesmo o preço do produto somado a impostos ainda sim vale muito a pena comprar produtos com eles visto que o preço é em torno de oito vezes mais barato que lojas aqui no Brasil que são importadoras de tais produtos.

Essa dica é valiosa mais uma Ultra dica para Você 😉

 

English Version Bellow

 

Black Friday 2019 Preparation and Planning

Many people spend various periods of the year saving money and waiting for the coming of Black Friday, an important date that most of the time you can buy products with good discounts in cash for the collectivity of purchases as a whole.

But How Can We Prepare for This Date?

A lot of people make Christmas purchases by credit card or even the beginning of the year purchases to be able to start the year with the acceptable minimum which sometimes ends up in debt from their credit cards or even ends up with little money to make. shopping.
Credit cards are the biggest villain in this regard because a person who wants to buy on Black Friday urgently needs to have the card paid or (at least most of it) to have a limit available for new purchases.
As the Black Friday planning we have to save a small amount of money every month to take advantage of the best deals possible either by credit card buying or even cash with the money we set aside for it.
Black Friday usually has many offers but unfortunately we can’t buy them all because there is not enough pocket to buy such products. Always try to plan for Black Friday by choosing to buy only the necessary or the dream you want so much.
The first thing to do besides raising money in other months of the year is to plan with that money by not using it for anything else and whenever possible putting in more money to collect until you can actually make the long-awaited purchase.
It took me months to buy my first camcorder for filming, since then I made the most of it to buy on Black Friday because being here in Brazil most stores were in a saturated season with very few customers available for purchase which required companies to lower prices.
In this case companies choose Black Friday to lower prices even more and try to reach the end consumer who always is and always will be the focus of the stores.
I remember waiting around ninety days at the time to buy the camera since it was always a high and expensive price tag. This made it impossible for me to buy the camera for a 20% difference in prices for the money I had at the time.
I even gave up buying the product was when a Black Friday offer came up with forty percent off the price of the long-awaited camcorder I so wanted.
I was around twenty percent lower then the normal price, so this was my chance to be able to buy mine at a forty percent discount so there was even money left to buy a pedestal for the same camera I was on sale with. discount.

Buying My Black Friday Camcorder

Briefly I planned to buy the camcorder at a discount and was also surprised to be able to buy a stand with pedestal for use thanks to the promotions Black Friday provided for me.
Black Friday is always planning and being well planned you get incredible discounts.
One great discounted US site I refer to is SlickDeals

Their Site Direct Link is https://slickdeals.net/blackfriday/

This Site has great deals and references on top quality electronics and the best direct price from international manufacturers.

For those who buy here from Brazil I believe there are some import duties by the Brazilian post office, but if we take values ​​into account we can come to the conclusion that even the price of the product plus taxes is still very worth buying products with them since The price is around eight times cheaper than stores here in Brazil that are importers of such products.

This tip is valuable plus an Ultra Tip for You 😉

Please enter banners and links.